Conectado por

Rondônia, terça, 09 de março de 2021.


Plural Saúde

Geral

CDL e empresários garantem tratamento profilático aos colaboradores


Publicado por

em

Desde o início da pandemia, a entidade busca manter o comércio atuante e preservando vidas


Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

A falta de medicação profilática no hospital municipal registrada há algumas semanas, levou a CDL de Ji-Paraná e associados a promover a ação para o tratamento profilático dos colaboradores e familiares. A ação proposta contou com a parceria da farmácia de manipulação que ofertou os kits a um preço menor do que o comercializado nas redes particulares. Acreditando que o tratamento profilático é uma alternativa para reduzir os agravantes da doença, a entidade, por meio dos colaboradores, manteve contato por telefone com os associados e foram requisitados mais de 3 mil kits no primeiro momento, totalizando pouco mais de 320 mil doses de vitaminas. “Desde o início da pandemia, levantamos a bandeira de que o comércio não é o responsável pela contaminação e a entrega destes kits é um exemplo claro de que os cuidados estão sendo adotados. Buscamos manter o comércio aberto e nos preocupamos também com a saúde do colaborador”, declarou André Moreira, presidente da CDL.

                Houve atraso na entrega dos kits profiláticos. A diretoria da entidade foi solicitada pela prefeitura para que déssemos prioridades à medicação fornecida aos pacientes do hospital, uma vez que a mesma farmácia de manipulação estava atendendo pedidos da CDL e da secretaria municipal de saúde. Entendendo a necessidade e a urgência de ter os kits na rede pública, a CDL permitiu que o prazo de entrega dos kits dos associados fosse alterado. “Quando iniciamos a ação solicitar o tratamento profilático, paralelamente sabíamos das dificuldades que o município enfrentava e estávamos também envolvidos em outra ação para ajudar o município com a compra da medicação fornecida no centro de tratamento para a covid-19”, ressaltou Nayara Trindade, administradora da CDL.


Continua após a publicidade

                A falta de matéria prima para manipular a vitamina C que ficou por alguns dias escassa no mercado também implicou no atraso das medicações. Esta semana, a farmácia de manipulação encaminhou o restante das medicações e a equipe montou uma força tarefa para separar os kits e identificar as empresas.

                Os inúmeros pedidos por kits profiláticos, levou a diretoria da entidade a dividir os lotes de medicações em duas etapas. A próxima remessa foi encaminhada recentemente para a farmácia de manipulação e estamos aguardando a entrega das vitaminas para serem montados os kits e entregues aos associados. “Acreditamos que desta vez não haverá atrasos.


Continua após a publicidade

Mas, pedimos a colaboração de todos, pois estamos vivendo um período de pandemia em que aumentou a procura por vitaminas nas redes particulares e consequentemente pode acontecer de faltar a matéria prima para manipular as vitaminas”, frisou o presidente.

Comentários do Facebook - Comente

Publicidade

Mais destaques

Facebook