educamais
Conectado por

Plural Saúde

G1

RO e Porto Velho estão entre os primeiros colocados em ranking de transparência no combate à Covid-19


Publicado por

em


Estado aparece na quarta posição, enquanto Porto Velho ocupa a quinta colocação. Coronavírus Sars-Cov-2 em imagem de microscópio eletrônico
NIAID-RML/Handout via Reuters
O Governo de Rondônia e Porto Velho estão entre os primeiros colocados no ranking de transparência no combate ao novo coronavírus. A lista com as notas dos estados foi divulgada na terça-feira (1º) pela Transparência Internacional (acesse aqui).
O estado aparece na quarta colocação com 100 pontos, enquanto Porto Velho ocupa o 5º lugar entre as capitais com 98 pontos, conforme o levantamento.
Cinco estados nas primeiras colocações do ranking de transparência
De acordo com a Transparência Internacional, o governo federal somou 71 pontos, atingindo um nível de transparência classificado como bom, ficando atrás de de 21 capitais e 21 estados.
Segundo a ONG, o ranking é feito para medir a transparência dos contratos feitos durante a pandemia. O resultado é medido por meio de uma pontuação, que vai de 0 a 100. Quanto mais perto de 100, significa que o município está informando detalhadamente os contratos.
Cinco capitais nas primeiras colocações do ranking de transparência
Metodologia
A Transparência Internacional analisou os sites, redes sociais e portais de transparência dos governos de todos os 26 estados e do Distrito Federal e de todas as 27 capitais.
Os critérios de avaliação do ranking se basearam no guia de Recomendações para Transparência de Contratações Emergenciais em Resposta à Covid-19. O manual foi lançado em maio e produzido em conjunto com o Tribunal de Conta da União (TCU). O levantamento foi feito de 24 a 31 de agosto.
Distanciamento Social
Uma das medidas para frear o aumento de infecções na região é o plano de ação “Todos por Rondônia”. Nesta semana, por exemplo, o governo divulgou o status dos municípios do estado nas Fases de Distanciamento Social.
No total, 7 cidades estão na fase 1 e as outras 45 na fase 3. A mudança nas fases leva em consideração a taxa de casos ativos da Covid-19 e a taxa de ocupação de leitos de UTI.
Não há cidades na fase 2 de Distanciamento social seletivo e nem na fase 4 de abertura comercial ampliada com prevenção contínua.
Initial plugin text

Continua após a publicidade

Fonte: G1 Rondônia

Comentários do Facebook - Comente
Continuar leitura

Publicidade

Mais destaques

Facebook