Taxistas estão reunidos na semtran e aguardam um posicionamento do secretário

O Prefeito de Porto Velho Hildon Chaves (PSDB) está sendo acusado de injustiça contra os taxistas, após a crise no transporte coletivo a prefeitura tenta alegar que a culpa da crise econômica na empresa que tem a concessão de transporte público em Porto Velho é da categoria.

A categoria exige respeito por parte da prefeitura, “Esse problema não foi causado por nossa categoria, dois companheiros nossos tiveram seus carros apreendidos hoje, somos trabalhadores, pagamos impostos e exigimos respeito.” afirmou um taxista.

Segundo os taxistas a categoria possui somente trezentos táxis compartilhados, mas a SEMTRAN autorizou mais de 2 mil carros de aplicativos como Uber, Urbano Norte e similares, prejudicando assim tanto os taxistas, moto taxistas e as empresas de ônibus da capital.  Os taxistas estão reunidos no prédio da Secretaria Municipal de Trânsito (SEMTRAN) aguardando o posicionamento oficial do secretário.