Conectado por

Rondônia, sábado, 18 de setembro de 2021.



Folha

Tráfico de drogas imita milícia e aumenta lucro com extorsões no Rio


Compartilhe:

Publicado por

em

João tinha um prédio na Rocinha, mas decidiu vender o imóvel e deixar a favela depois de passar quase cinco anos sendo alvo de extorsões. Os criminosos primeiro queriam receber parte dos aluguéis que ele arrecadava e, depois, passaram a ameaçá-lo de olho no dinheiro gerado pela venda do local.
Leia mais (09/08/2021 – 04h00)

Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

Fonte: Folha de São Paulo

Publicidade

GOVERNO DE RONDÔNIA educamaisbrasil educamaisbrasil

Últimas notícias

Facebook