Conectado por

Rondônia, domingo, 19 de setembro de 2021.



Geral

Fies 2021.2: programa prorroga convocação de nomes da lista de espera


Compartilhe:

Publicado por

em

Estudantes pré-selecionados agora podem ser convocados até 17 de setembro


Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) prorrogou o período de convocações de pré-selecionados da lista de espera, relativa ao período de 2021.2. O prazo se encerraria nessa terça-feira (31), mas como consta no novo cronograma, na página do programa, agora vai até o dia 17 de setembro de 2021.

Até lá, os candidatos que integram a lista de espera devem acompanhar as convocações pelo site do Fies, utilizando seu login de inscrição, ou conferir o site da instituição de ensino superior para qual se inscreveram e conferir se foram pré-selecionados.


Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

Após a convocação, os estudantes devem fazer o complemento das informações, em até três dias úteis, na própria página do financiamento e, posteriormente, deverão entrar em contato com a Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento (CPSA) para a entregar documentos para validação.

Com a validação realizada pela CPSA, os pré-selecionados têm até 10 dias, após o 3º dia da validação, para procurar o banco parceiro do Fies e firmar o contrato.

Sobre o Fies

O Fundo de Financiamento Estudantil, popularmente conhecido pela sigla Fies, é um programa do governo que oferta crédito estudantil na modalidade a juro zero para estudantes com renda familiar de até três salários mínimos. A outra categoria é a do P-Fies, que atua com a distribuição de vagas com juros que variam conforme os bancos, essa é direcionada para estudantes com renda familiar máxima de cinco salários mínimos.

A classificação no processo seletivo do Fies é feita com base nas notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O estudante pode se candidatar usando nota de qualquer edição da avaliação a partir de 2010, desde que o candidato tenha obtido uma média igual ou superior a 450 pontos na soma das provas objetivas e não tenha zerado a redação.

 

Fonte: Agência Educa Mais Brasil

Publicidade

GOVERNO DE RONDÔNIA educamaisbrasil educamaisbrasil

Últimas notícias

Facebook