Conectado por

Plural Saúde

Exame

Jaguar Land Rover anuncia corte de 2.000 empregos em todo o mundo


Publicado por

em


Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

A montadora britânica de carros de luxo Jaguar Land Rover (JLR) cortará aproximadamente 2.000 empregos em todo o mundo no próximo ano, anunciou em um comunicado nesta quarta-feira (17).

Dois dias depois de anunciar uma estratégia para atingir a neutralidade de carbono em 2039 e a conversão da marca Jaguar para totalmente elétrica a partir de 2025, o grupo argumentou a necessidade de reduzir seus custos para se tornar uma “empresa mais ágil”.


Continua após a publicidade

“Prevemos uma redução líquida de cerca de 2.000 pessoas em nossa folha de pagamento no mundo no próximo ano financeiro”, anunciou o grupo, que pertence ao grupo indiano Tata, em um comunicado.


Continua após a publicidade

Os funcionários de fábricas não serão afetados, acrescentou.

Na segunda-feira, com o anúncio de sua nova estratégia, o grupo alertou que sua reconversão implicaria na redução de suas atividades improdutivas no Reino Unido.

A fabricante garantiu que não fecharia fábricas e explicou que a de Solihull (região central da Inglaterra), onde também são montados Land Rovers, também abrigará a plataforma dos Jaguar elétricos.

A Jaguar Land Rover se comprometeu em investir 2,5 bilhões de libras (quase 3,4 bilhões de dólares) por ano, principalmente no setor elétrico.

O grupo trabalhará no desenvolvimento do setor de hidrogênio para atender à demanda futura e pretende colaborar com o grupo Tata em energia limpa.

O objetivo da Jaguar Land Rover é se tornar um grupo neutro em carbono em sua cadeia de abastecimentos, produtos e operações até 2039.

A nível financeiro, sua meta é recuperar uma margem operacional de dois dígitos e um caixa líquido positivo até 2025.

Fonte: Revista Exame

Comentários do Facebook - Comente

Publicidade

Mais destaques

Facebook