Conectado por

Plural Saúde

G1

Hospital de Campanha de Porto Velho passa a funcionar com 40 leitos de UTI


Publicado por

em


Com a chegada de dois novos médicos, unidade da Zona Leste teve dez leitos desbloqueados. Unidade ainda possui 10 leitos aguardando a chegada de profissionais de saúde. Hospital de Campanha em Porto Velho é desativado.
Divulgação/Sesau-RO
O Hospital de Campanha da Zona Leste, em Porto Velho, recebeu dois novos médicos na manhã de segunda-feira (01) para trabalhar no combate ao novo coronavírus. Com a chegada dos profissionais, dez leitos de UTI foram desbloqueados na unidade, que agora passa a funcionar com 40 leitos no total.
OAB pede que Governo de Rondônia divulgue os números da fila de espera por UTI
Segundo a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), a unidade ainda possui mais 10 leitos de UTIs montados com monitores multiparâmetros, respiradores, bomba de infusão e demais profissionais da equipe, aguardando a chegada de mais médicos.
Santiago Servin, oriundo do Maranhão e Isaque Sanglard, vindo do Distrito Federal, foram enviados pelo Ministério da Saúde por meio do programa Força Nacional do SUS. Segundo a Sesau, ambos os profissionais já foram inseridos na escala de plantão médico, para início imediato das atividades.
Veja mais vídeos do G1 Rondônia

Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

Fonte: G1 Rondônia

Comentários do Facebook - Comente