Giardinni SBS
Conectado por

Plural Saúde

Folha

A morte e a morte do Villarino


Publicado por

em

Havia um painel de valor inestimável contendo desenhos e autógrafos na parede do Villarino. Nos anos 50, a nata boêmia da cidade se reunia em suas mesas: gente como Antônio Maria, Dorival Caymmi, Aracy de Almeida, o médico Eustáquio Duarte, inventor do “gabarito fosfórico” adotado na casa: a dose de uísque tinha de chegar à altura da caixa de fósforos Beija-Flor, na vertical. Valia por duas medidas de outros bares.
Leia mais (11/21/2020 – 04h36)

Continua após a publicidade

Fonte: Folha de São Paulo

Comentários do Facebook - Comente
Continuar leitura

Publicidade

Mais destaques

Facebook