educamais
Conectado por

Plural Saúde

Geral

Hospital de Campanha de Rondônia conta com serviço de tratamento para pacientes com lesão nos rins


Publicado por

em


Continua após a publicidade

O Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) implantou o serviço de tratamento de hemodiálise no Hospital de Campanha de Rondônia para pacientes com lesão renal ou que venha desenvolver por conta da Covid-19. Foi construída uma estação de pré-tratamento de água com seis pontos de hemodiálise, sendo disponibilizadas duas máquinas para atendimento na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), e em uma enfermaria, com capacidade para atender 10 leitos de UTI´s e 10 leitos clínicos.

De acordo com a diretora, Sandra Petillo, a unidade não recebia pacientes que já necessitavam de tratamento de hemodiálise, porém quando algum paciente, durante o tratamento apresentava a necessidade de hemodiálise por conta da doença, o mesmo era transferido para outra unidade hospitalar. “Com esse equipamento o hospital não vai mais precisar transferir pacientes com lisura renal, hoje temos duas máquinas instaladas na UTI, e já estamos providenciando a terceira que estará pronta até o fim da próxima semana. É de suma importância esse serviço numa unidade que atende pacientes graves, principalmente com Covid-19”, destacou a diretora.


Continua após a publicidade

O paciente J.L.S.M de 49 anos, deu entrada na unidade com suspeita de Covid-19, porém de acordo com a médica Caliope Barofaldi, o estado de saúde se agravou e foi encaminhado para UTI, onde está há cinco dias, e nessa quinta-feira (27) precisou fazer hemodiálise. “O quadro desse paciente foi evoluindo para disfunção renal, e os rins não estão mais filtrando, por isso a necessidade da hemodiálise, sendo nosso primeiro paciente a fazer diálise. Com esse tratamento feito no Hospital de Campanha, o paciente ganha tempo e maior chance de cura”, disse a médica.


Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

Com o tratamento na unidade, o paciente tem maior chance de cura, destacam as médicas do Hospital de Campanha
A diálise é um procedimento no qual uma máquina externa substitui o papel dos rins, quando o órgão exerce menos de 10% da sua função. Entre todos os casos de Covid-19 no país, cerca de 20 a 40% dos pacientes internados, em estado grave podem sofrer alguma alteração nos rins.

“Ainda não se sabe exatamente por que os rins são afetados, mas acreditamos que o resultado seja multifatorial, e já há pistas. Uma delas é que a “tempestade” inflamatória (uma resposta exagerada do sistema imune na tentativa de combater o vírus) possa também afetar os órgãos que tem como função filtrar o sangue e eliminar toxinas, causando a nefrite. Também existe a possibilidade de ação direta do vírus nos rins, alguns relatos apontam que partículas do vírus já foram encontradas em células renais”, destacou a nefrologista, Sueli Oliveira Nascimento dos Santos.

Comentários do Facebook - Comente
Continuar leitura

Publicidade

Mais destaques

Facebook