educamais
Conectado por

Plural Saúde

Geral

Elzilene Nascimento, mulher, negra e agricultora familiar é eleita a nova presidente da CUT-RO


Publicado por

em


Continua após a publicidade

 

Em Congresso Estadual da Central Única dos Trabalhadores (CUT), de Rondônia, realizado nos dias 29 e 30 de novembro último, no Centro de Formação Sindical da Federação dos Trabalhadores na Agricultura (FETAGRO), foi eleita como presidente da Central Sindical a mulher, negra e agricultora familiar Elzilene Nascimento, por unanimidade dos delegados presentes, tendo o apoio de oito ramos. O evento contou com a participação do diretor da CUT Nacional Rogério Pantoja e elegeu a nova Direção da Central no Estado.


Continua após a publicidade

A maioria dos ramos de trabalhadores organizados na base da CUT, em Rondônia, estão compondo os dezoito cargos da nova Executiva da Central, dentre os quais, o ramo dos rurais, com Elzilene na presidência e José Cicero na secretaria de políticas sociais, bancários Itamar Ferreira vice presidente, construção civil Magno Oliveira secretaria de administração e finanças, urbanitários Luzanira  secretaria geral, municipais Sérgio na sec. Organização, vigilantes Pauto Tico sec. relações do trabalho e comércio e serviços Adilina sec. jovens.


Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

Durante os dois dias do evento foram debatidos os principais problemas e desafios para o movimento sindical, como os ataques sistemáticos contra os direitos dos trabalhadores e as organizações sindicais, que começou com a aprovação da Reforma Trabalhista e foram intensificados no governo Bolsonaro e com o atual Congresso Nacional. Mereceu especial atenção dos participantes a Reforma da Previdência que penalizou principalmente os trabalhadores com salários menores e a nova Medida Provisória,  MP 905/2019, com mais ataques aos trabalhadores e aos sindicatos, como a carteira “verde e amarelo” com direitos extremamente reduzidos.

Para enfrentar esses dramáticos problemas que atingem atualmente a classe trabalhadora o Congresso da CUT aprovou um plano de ação para os próximos quatro anos, incluindo a mobilização dos trabalhadores de Rondônia para uma participação mais ativa nas agendas nacionais de luta, apoio às atividades dos sindicatos, realização de novas filiações, apoiar chapas de oposição em sindicatos não filiados, ampliar a solidariedade entre os sindicatos, melhorar a participação nos conselhos de políticas públicas, união entre os trabalhadores do campo e urbanos e atuação conjunta com os movimentos sociais, dentre outras ações.


Continua após a publicidade

Houve um impasse em torno da definição do nome para presidência, pois a delegação do Sindicato dos Trabalhadores da Educação (SINTERO) tinha proposta de outro nome, da categoria, para presidência da Central, mas os sindicatos de trabalhadores rurais e a maioria dos demais sindicatos urbanos apoiaram o nome de Elzilene. Com este impasse o SINTERO decidiu se retirar do Congresso e não indicou nomes para compor a Direção da CUT-RO. Todavia, a entidade, uma das mais atuantes do Estado, permanece filiada à CUT e à Confederação Nacional CNTE. A nova Direção tem como prioridade o diálogo com o SINTERO.

Elzilene Nascimento, a Elzi, tem uma longa trajetória sindical, tendo iniciado sua militância no Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (STTR) de Presidente Médici, atuou na Federação dos Trabalhadores na Agricultura (FETAGRO) e na CUT-RO já foi secretária de administração e finanças e vice-presidente; além dessa vasta experiência sindical, ela atualmente é presidente do Conselho Estadual de Saúde (CES), cujo mandato terminará neste final de ano.

Fonte: CUT-RO.

Comentários do Facebook - Comente
Continuar leitura