Conectado por


Geral

NOTA DA AMERON – ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS DE RONDÔNIA

Publicado por

em

A AMERON – Associação dos Magistrados de Rondônia vem a público manifestar repulsa e preocupação com notícias relacionadas às atividades da Polícia Judiciária na denominada “Operação Pau Oco”, que estão sendo veiculadas em programas jornalísticos de rádio, televisão e nas redes sociais, e, que por equívoco de interpretação, atingiu indevidamente o Poder Judiciário do Estado de Rondônia.

A retratação formal e pública do jornalista Alessandro Lubiana (https://www.newsrondonia.com.br/noticias/nota+de+esclarecimento+a+ameron+por+alessandro+lubiana/139788e o consequente pedido de desculpas recoloca as coisas no seu devido lugar, pois esse profissional da imprensa, de forma explícita, deixa claro que na manifestação feita e que nos últimos dias circulou nas redes sociais, não diz respeito ao Poder Judiciário ou seus membros.

Esclareça-se que a referência feita à Presidência do Poder Judiciário do Estado de Rondônia, por um dos interlocutores de conversa de áudio vazada em relação à referida “Operação Pau Oco”, nada de concreto traz que permita afirmar a prática de qualquer ilícito, seja de natureza administrativa ou criminal.

A AMERON – Associação dos Magistrados de Rondônia, mesmo primando pela absoluta liberdade de expressão e pensamento, permanecerá vigilante e pronta para adotar as medidas que se fizerem necessárias para rechaçar afirmações maledicentes e infundadas que possam macular a imagem do Poder Judiciário Rondoniense e de seus integrantes.

Porto Velho, 02.11.2019

     Alexandre Miguel
Presidente da AMERON