Connect with us


Geral

Morre o ex-senador Odacir Soares

Published

on

O ex-senador Odacir Soares faleceu nesta quinta-feira (12), aos 81 anos de idade, em Brasília, vítima de Câncer. Ele era advogado, jornalista e, mesmo tendo nascido no Acre, foi um dos políticos mais experientes de Rondônia. Teve uma das carreiras políticas mais bem-sucedidas em nosso estado. Ele foi prefeito de Porto Velho por duas vezes, deputadofederal e senador por 16 anos.

Odacir Soares também foi jornalista tendo sido repórter das revistas Manchete e Fatos e Fotos, do extinto Grupo Editorial Bloch. A veia intelectual o levou a se formar em Direito e Ciências Sociais pela antiga Faculdade Nacional de Direito, no Rio De Janeiro.

Nessa imagem do ano de 1970, vemos Odacir Soares, na época Prefeito do Município de Porto Velho, apresentando em seu gabinete, o plano de expansão e criação de novos bairros na cidade. Odacir Soares foi nomeado prefeito pelo Governador João Carlos Marques Henriques em 1969.

Em 1967, veio para Porto Velho para assumir no governo do Coronel Flávio de Assumpção Cardoso, a direção da Divisão de Segurança e Informações do Território Federal de Rondônia, cargo correspondente hoje ao de Secretário de Segurança Pública nos Estados. No ano de 1969, presidiu a Comissão de Incorporação da Companhia de Águas e Esgoto de Rondônia(CAERD), que havia sido criada pelo Governo Federal, sendo o primeiro presidente da empresa. No ano seguinte, assume o cargo de prefeito de Porto Velho, por nomeação do governador coronel João Carlos Marques Henriques Neto. Esse cargo foi ocupado por ele em mais de uma oportunidade.

Odacir Soares foi um dos fundadores da Aliança Renovadora Nacional, em Rondônia, no ano de 1976, que era o partido que dava sustentação aos governos militares. Na década de 80, fundou o Partido Social Democrático(PDS), no Estado, tendo sido eleito senador por um mandato de oito anos, em 1982, e é reeleito em 1990, para mais oito anos. No governo Cassol ocupou os cargos de Chefe da Casa Civil e Presidente do Iperon.

Leia também:

Com informações do site Rondoniaovivo e News Rondônia