Conectado por


Destaque

Encerra hoje as inscrições para o Enem 2019; não perca o prazo

Publicado por

em

A taxa de R$ 85 deve ser paga até
o dia 23 de maio

A inscrição no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 encerra nesta sexta-feira (17). Quem ainda não realizou o procedimento deve acessar a Página do Participante até às 23h59, de acordo com o horário de Brasília, para viabilizar a participação. Independentemente de ter feito o pedido de isenção do Enem 2019 e ter sido contemplado com o benefício, todos devem fazer a inscrição. A Guia de Recolhimento da União no valor de R$ 85 deve ser paga até o dia 23 de maio.

Mais de cinco milhões de pessoas já fizeram a inscrição, entre elas a estudante Lara Gisele, de 17 anos. “Estou me preparando para a prova desde o início do ano porque espero alcançar uma boa nota e ser aprovada no meu curso”, afirma. A estudante finaliza o 3º ano do Ensino Médio ainda em 2019 e, além das demandas escolares, a preparação para o Enem inclui a rotina de estudos em casa e a utilização de materiais complementares para fixar os conteúdos. O objetivo é participar do Sistema de Seleção Unificada (SiSU) em 2020 e ingressar no curso de Medicina. “No meu 1º ano do Ensino Médio, tive uma professora nova de Biologia e, a partir daí, passei a ter um apreço maior pela disciplina. E eu sempre gostei de ajudar as pessoas. Então, acho que iria muito bem no curso”, destaca.

Entre as instituições públicas de preferência estão a Universidade Federal da Bahia (UFBA) e a Universidade do Estado da Bahia (Uneb). Como o SiSU permite o cadastro de até duas opções de vagas, Gisele considera como segunda escolha a graduação em Biomedicina. Para o Enem, a estudante está confiante no bom desempenho também em Química, mas reconhece que será necessário dedicar uma atenção especial a disciplinas como Física e História.

Acesso ao Ensino Superior

Além do SiSU, o acesso ao ensino superior com a pontuação obtida no Enem é possível por meio do Programa Universidade para Todos (Prouni) e do convênio firmado pelo governo brasileiro com universidades de Portugal. O Fundo de Financiamento (Fies) também é uma opção.

Ascom Educa Mais Brasil