Conectado por

Rondônia, sexta, 12 de abril de 2024.

Artigos

Se a pesquisa do Real Time Big Data ao governo de Rondônia estivesse/er certa, têm eleitores de Lula votando em bolsonaristas 


Compartilhe:

Publicado por

em

RETICÊNCIAS POLÍTICAS  –  Itamar Ferreira * 

Apolarização do debate político e, naturalmente de seu sucedâneo natural o voto, é o dado mais comum da conjuntura brasileira, debatido até em botequins, quando não pela via de fatos, infelizmente.

Ora, em Rondônia esta também é a realidade política mais evidente, com a diferença de que as terras de Rondon é um dos poucos estados em que Bolsonaro está na frente de Lula, por uma grande diferença, de 54% a 27% das intenções de votos, totalizando uma esmagadora maioria de 81% dos eleitores, segundo pesquisa IPEC (Globo) publicada há duas semanas.

Todavia, nesta quinta-feira (15) o instituto de pesquisa Real Time Big Data publicou uma sondagem de votos para governador de Rondônia que contraria qualquer lógica mais elementar, pois de um lado há três candidatos que seriam ligados ao Bolsonaro (Marcos Rocha 38%, Marcos Rogério 22% e Léo Moraes10%) que juntos somam 70% de votos pelo Real Time, contra os 54% do atual presidente na pesquisa IPEC, uma diferença de 16%.

De outro, dos 27% de intenções de votos em Lula (segundo o IPEC), meros 3%, segundo o Real Time, estariam com Daniel Pereira, candidato notoriamente apoiado pelo ex-presidente petista. Uma colossal diferença de 24%, que não condiz com a fama de Lula de que “elegeria até poste”, que fosse apoiado por ele.

Parece elementar, como diria o famoso detetive inglês Sherlock Holmes ao seu fiel escudeiro Dr. Whatson, que uma parte significativa desses 24% dos votos de Lula, estaria indo para Marcos Rocha & Cia Bolsonariasta, algo inusitado e nada crível.

É “pule de dez” (como se diz nas corridas de cavalos) que esta pesquisa será o maior mico destas eleições, tanto em apontar que o candidato de centro-esquerda, Daniel Pereira, tem apenas 3%, quanto Marcos Rogério ter 22%.

A grosso modo, e pelas avaliações que se ouve nos bastidores, tanto Daniel quanto Rogério estariam próximos da pontuação de Léo Moraes, em torno de 10% a 13%, deixando a disputa pela segunda vaga no segundo turno em aberta.

Mas quem seria esse intrépido instituto Real Time Big Data?  

Pelas informações disponíveis, ele seria ligado ao líder religioso Edir Macedo, da Universal, parta quem um certo candidato (senador) ao governo de Rondônia é notoriamente o queridinho.

* Itamar Ferreira, é advogado. 

Compartilhe: