Conectado por

Plural Saúde

Geral

SENAI-RO se destaca no Sistema de Avaliação da Educação Profissional-SAEP


Publicado por

em


Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) de Rondônia obteve resultado excepcional na média nacional no Sistema de Avaliação da Educação Profissional (SAEP), que avalia as competências e habilidades dos alunos dos cursos oferecidos pelo SENAI em todo o Brasil. A média Brasil do Idap, indicativo que mede o desempenho da educação profissional, foi de 7,8 e o SENAI-RO obteve 8,6, ou seja, 10,25% acima da média nacional.

O sistema de Avaliação dos cursos do SENAI foi instituído há 10 anos e, além de avaliar o aprendizado, também serve de parâmetro para qualificar a gestão, infraestrutura e capacidade técnica e pedagógicas das escolas técnicas. E em Rondônia participaram alunos de todas as unidades do estado.


Continua após a publicidade

Os resultados foram recebidos com satisfação pelo presidente da Federação das Indústrias de Rondônia, Marcelo Thomé. “Isso é resultado de muito trabalho de todos aqueles que se dedicaram na preparação dos nossos alunos. Dentro dos cursos avaliados nesta edição do SAEP, somos o melhor SENAI do Brasil em qualidade de ensino profissional”, destacou.

O coordenador de Educação Básica e Profissional SESI-SENAI-IEL de Rondônia, Jair Coelho explicou que O SAEP é composto de provas teóricas e práticas e abrange os conteúdos baseados nos itinerários nacionais dos cursos técnicos”, disse.

Nesta edição, o SAEP avaliou os alunos dos seguintes cursos: Manutenção automotiva, Eletromecânica, Segurança no Trabalho, Eletrotécnica, Refrigeração e Climatização, Administração, Logística, Qualidade e Eletroeletrônica.

O superintendente do SESI-IEL e diretor regional do SENAI-RO, Alex Santiago, disse que diante do alto nível atingido pelos alunos, o grande beneficiado é a indústria que vai absorver profissionais qualificados. “Quando obtemos um resultado como este, significa dizer que todo o fluxo do processo de aprendizagem é satisfatório e que o aluno sai com o perfil adequado a fazer parte do processo produtivo industrial, em qualquer parte do Brasil”, ressaltou.

Assessoria de Comunicação Social FIERO

Comentários do Facebook - Comente