Conectado por

Plural Saúde

Exame

Easynvest compra Vérios e entra no segmento de robôs de investimento


Publicado por

em


Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

A corretora Easynvest anunciou hoje, 12, a compra da gestora de investimentos Vérios. A gestora possui cerca de 400 milhões de reais sob custódia e é especializada no uso de inteligência artificial para a elaboração de recomendações e para a distribuição de ativos. Com a compra, o 1,6 milhão de clientes da Easynvest poderá contar com a assistência do robô de investimentos da Vérios, chamado Ueslei.

O valor da transação não foi revelado pelas duas empresas. Antes da compra da Vérios, a própria Easynvest entrou em um processo de aquisição pelo Nubank em setembro de 2020 — a união já foi aprovada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e para começar a valer ainda precisa do crivo do Banco Central. A compra da corretora pelo banco digital possivelmente reforçará o caixa da Easynvest para novas aquisições, como a anunciada hoje.

Que tal investir com especialistas que selecionam a nata da nata dos fundos para o seu perfil? Conheça a EXAME Research

Fundada em 2012, a Vérios será incorporada à estrutura da Easynvest e os antigos donos da gestora farão parte da diretoria de negócios digitais da corretora. A gestora e a corretora já tinham um acordo desde agosto de 2020 para que os clientes da Vérios pudessem acessar a plataforma de produtos da Easynvest. Agora, os serviços devem ser unificados.

“Há bastante tempo sabíamos que seria necessário fazer parte de uma corretora para melhorar a vida de nossos clientes em etapas como cadastro, atualização de dados, entre outras. O que não fazia sentido era tentar criar isso do zero, e competir com empresas que já investiram tanto em tecnologia e inovação, como a Easynvest” diz Felipe Sotto-Maior, cofundador da Vérios.

Algumas das ferramentas da Vérios, como a comparação de fundos de investimento e a sugestão de uma carteira inteligente, de acordo com o perfil do investidor, serão integrados à plataforma da Easynvest, que possui 25 bilhões de reais sob gestão.

Fonte: Revista Exame

Comentários do Facebook - Comente

Publicidade

Mais destaques

Facebook