Conectado por



Plural Saúde

Jurídicas

Prefeito de Guajará-Mirim acata recomendação do Ministério Público e exonera secretário de Obras


Publicado por

em

Por meio de ofício, prefeitua informou que Eugênio Laizo Netto foi exonerado no dia 23 de novembro

Após uma recomendação conjunta do Ministério Público Federal (MPF) e do Ministério Público de Rondônia (MP/RO), o prefeito de Guajará-Mirim exonerou Eugênio Laizo Netto, que ocupava o cargo de secretário municipal de Obras.

Na recomendação, o Ministério Público apontou que o ex-secretário tem condenação definitiva (transitada em julgado) na Justiça Federal em Paranaguá (PR) por crime contra a fé pública, com a suspensão dos seus direitos políticos. Ele também já foi condenado, em decisão ainda não definitiva, pela Justiça Federal em Ji-Paraná (RO) pelos crimes de associação criminosa, falsidade ideológica e corrupção ativa.

------- CURTA NOSSA PÁGINA, E COMPARTILHE ELA -------


------- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -------

Eugênio Laizo Netto é ainda réu em duas ações penais pelos crimes de falsidade ideológica e por dificultar a ação fiscalizadora do Poder Público no trato de questões ambientais, além de responder a uma ação de improbidade administrativa proposta pelo MPF.

Publicidade

Mais destaques

Facebook