educamais
Conectado por

Plural Saúde

Geral

Setor produtivo ganha com obras de infraestrutura na Região Norte


Publicado por

em


Continua após a publicidade

Consideradas como pontos estratégicos para o setor produtivo dos estados do Norte, principalmente para Rondônia, a recuperação da BR-319, e a duplicação da BR-364 foram citadas pelo ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas durante sua visita ao Estado para vistoriar as obras da ponte do Abunã, que faz a ligação entre Rondônia e o Acre, que deve ser concluída até o próximo mês de dezembro.

O presidente da Federação das Indústrias de Rondônia (FIERO) Marcelo Thomé, acredita que a conclusão deste pacote de melhorias e obras, deixa a capital Porto Velho numa situação privilegiada pois se consolidará como promissor entreposto para escoar a produção não só de Rondônia, mas como do estado do Mato Grosso, seja pela via fluvial ou rodoviário, para Manaus-AM, Rio Branco-AC, e para os países andinos, fortalecendo a economia local.


Continua após a publicidade

Já o presidente da Federação das Indústrias do Acre (FIEAC), José Adriano disse que o estado se integra ao restante do Brasil definitivamente, e em termos de novos investimentos, era o que o precisava para gerar novos empregos e renda. “Além disto, ganharemos em tempo e acreditamos em custos menores com o transporte”, afirmou.


Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

Com relação a BR-319, Tarcísio de Freitas explicou que o impasse junto ao Ministério Público Federal (MPF), está superado e que a recuperação da rodovia compreende duas etapas: a pavimentação do quilômetro 198 até o quilômetro 250. “Para este trecho temos um Termo de Ajustamento de Conduta válido e foi realizado um projeto de engenharia que preserva o meio ambiente, com recuperação de áreas degradas, travessias de fauna, que vai proteger o seu entorno”, explicou.

Já a segunda etapa que compreende o trecho do meio, o ministro informou que já foi entregue o estudo de impacto ambiental ao IBAMA. “Aguardamos essa liberação, que acredito que virá, pois o documento está amplamente embasado tecnicamente, para em seguida contratar a pavimentação, lembrando que este trecho está protegido por unidade de conservação, portanto temos a confiança de fazer essa obra com responsabilidade e torna-la um exemplo de desenvolvimento sustentável”, garantiu.


Continua após a publicidade

 

Duplicação da BR-364

De acordo com o ministro da infraestrutura, a duplicação da BR-364 entre os estados do Mato Grosso e Rondônia, está em estudo, para se concretizar por meio de concessão. “Fizemos um contrato com o BNDES que está estruturando esta concessão, que terá um investimento de R$ 8 bilhões. Sabemos que é uma rodovia exaurida e que precisa de uma intervenção estrutural. Ela é um eixo importante e vamos vir com investimentos pesados para a região”, ressaltou o ministro.

Presidente da comissão de infraestrutura no Senado, o senador Marcos Rogério (DEM-RO) disse que chegou a vez do Norte do Brasil se tornar protagonista, uma vez que Rondônia deve se tornar um hub logístico. “Já fazemos parte de um corredor econômico e vamos nos fortalecer muito mais com esse pacote de obras que o governo federal tem realizado na Região”.

Citou também que como relator da comissão de infraestrutura, permite cuidar além do campo da infraestrutura rodoviária, também trabalhar temas estruturantes para o setor elétrico e telecomunicações. “Portanto Rondônia vive um bom momento na produção e sobretudo nessa nova ordem logística”, destacou o senador.

Assessoria de Comunicação Social da FIERO

Comentários do Facebook - Comente
Continuar leitura

Publicidade

Mais destaques

Facebook