educamais
Conectado por

Plural Saúde

Política

Polícia Civil faz megaoperação em Porto Velho contra “tribunal do crime”


Publicado por

em


Continua após a publicidade

Fonte: Rondoniagora.com

A Delegacia de Homicídios de Porto Velho deflagrou na manhã desta sexta-feira (4), a Operação Louva-a-Deus, que tem como alvo a facção criminosa Primeiro Comando do Panda. Os policiais cumprem 19 mandados de prisões preventivas, 27 de buscas e apreensões e uma internação provisória de adolescente.


Continua após a publicidade

Segundo a delegada Leisaloma Carvalho, a operação é resultado dos desdobramentos das investigações da tortura, homicídio e decapitação da vítima Rubem Arial Silva Souza, ocorrido no dia 23 de junho deste ano, no residencial Morar Melhor.


Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

De acordo com a Polícia, o homicídio de Rubem causou comoção e revolta perante a sociedade. O crime foi filmado pelos próprios criminosos, após a vítima ser atraída para o local. Lá Rubem foi interrogado, torturado e executado com requintes de crueldade mediante o uso de pedra, faca e facão a ponto de ser decapitado. Os criminosos acreditavam que a vítima fosse integrante da facção rival, Comando Vermelho.

Ainda segundo a delegada, os investigados serão indiciados pelos crimes de tortura, homicídio triplamente qualificado, destruição de cadáver e crime organizado, com penas, se somadas, podem chegar a mais de 60 anos de prisão.


Continua após a publicidade

Participam da operação mais de 100 policiais civis do Departamento de Polícia Especializada, Departamento de Estratégia e Inteligência, Departamento de Narcóticos, Departamento de Polícia Metropolitana e Direção Geral de Polícia Civil.

O nome da Operação remete a algumas espécies de Louva-a-Deus , em que a fêmea devora e mata o macho durante o acasalamento, decapitando-o.

Comentários do Facebook - Comente
Continuar leitura