educamais
Conectado por

Plural Saúde

Geral

Energisa Rondônia investiu R$ 322 milhões no 1º semestre de 2020


Publicado por

em


Continua após a publicidade

Principais frentes são obras de melhoria da qualidade da rede e construção de novas subestações de energia

Apesar da pandemia, investimentos aumentaram 36%


Continua após a publicidade

A Energisa Rondônia investiu R$ 322 milhões no primeiro semestre deste ano na área de concessão da distribuidora. Apesar das medidas de contenção à pandemia de Covid-19, o volume é quase 36% maior que o mesmo período do ano passado. Atualmente, a Energisa Rondônia atende mais de 650 mil clientes, divididos em 52 cidades e emprega diretamente cerca de 1.500 pessoas.


Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

“Tivemos que revisar todas as nossas atividades em função da pandemia e dos impactos que causou, mas em momento nenhum pensamos em abrir mão da nossa agenda de investimentos. Estamos transformando a distribuição de energia elétrica no estado e teremos muitas entregas até o fim do ano, a começar pela nova subestação e pelo linhão de Nova Dimensão”, destaca André Theobald, diretor-presidente da Energisa Rondônia.

Theobald frisa que a prioridade da Energisa e dos investimentos que estão sendo realizados é fornecer um serviço melhor aos clientes e garantir uma oferta de energia permanente e segura, levando conforto e bem-estar à população. No primeiro semestre de 2020, a empresa realizou diversas iniciativas que visam garantir e melhorar o fornecimento de energia de todas as localidades atendidas pela empresa.


Continua após a publicidade

Até dezembro, serão um total de sete novas subestações, além da construção de linhões e redes de distribuição. Entre as entregas já realizadas, estão as subestações de Alvorada do Oeste e Corumbiara. Alvorada beneficiou 5,9 mil consumidores. Corumbiara atende mais de 17 mil clientes.  Em Porto Velho, a empresa finalizou e modernizou a subestação de Alphaville, mesmo trabalho que está sendo feito em quase uma dezena de unidades pelo estado e que inclui instalação religadores automáticos, manutenções preventivas e construções de novas linhas alimentadoras.

Considerando o primeiro semestre de 2020, a empresa encerrou o período com um aumento  de 2,4% de clientes residenciais em relação ao mesmo período de 2019. No segmento residencial, o crescimento foi de 3,5%.

Além das obras de infraestrutura, na modernização de sistemas técnicos, na melhoria contínua de processos, na qualificação dos profissionais e na disponibilização de efetivo pessoal necessário às rotinas. Com relação aos indicadores de qualidade do fornecimento, nesses primeiros seis meses do ano de 2020, a empresa reduziu em 30% as faltas de energia no estado em relação ao mesmo período do ano passado.

“Temos um desafio muito grande de aumentar a oferta e melhorar a qualidade da energia, mas tem sido gratificante ver o resultado dos investimentos já entregues para clientes que estavam ligados por rabichos e hoje têm uma rede que atende suas necessidades e para o agronegócio, desde as indústrias até os pequenos produtores”, completa Theobald.

Investimentos e indicadores de qualidade do Grupo Energisa

Apesar do cenário de crise que toda a economia atravessa diante dos efeitos da Covid-19, O Grupo Energisa continuou com seus investimentos, que somaram R$ 1,386 bilhão nos primeiros seis meses deste ano, sendo R$ 671,5 milhões no segundo trimestre. Os recursos foram destinados, principalmente, para às 11 distribuidoras do Grupo Energisa em todo o país, que receberam, neste trimestre, R$ 568,4 milhões do montante total, a fim de promover a expansão e o reforço da rede e a melhoria contínua da qualidade da energia.

A continuidade dos investimentos teve reflexo positivo nos indicadores de qualidade. Dez das 11 distribuidoras do Grupo apresentaram desempenho melhor que a meta da Aneel para os indicadores FEC e DEC em junho deste ano, com evoluções consistentes dos dois indicadores. “O bom resultado é fruto do investimento em automação, construção e ampliação de novos alimentadores, subestações e linhas de alta tensão, além de uma maior assertividade das ações de manutenção, poda de árvores, adequação de veículos e aplicação de novas ferramentas e capacitação das equipes e gestão de produtividade. Todas as ações visam a atender cada vez melhor nossos clientes com segurança e confiabilidade”, ressalta Maurício Botelho, vice-presidente financeiro e diretor de Relações com Investidores do Grupo Energisa.

Movimento Energia do Bem

 O Grupo Energisa vem adotando medidas, desde março, para minimizar os efeitos do coronavírus com todos os seus públicos-alvo. Foram destinados mais de R$ 8 milhões em diversas frentes que estão sendo realizadas em parceria com organizações com o objetivo de proteger seus colaboradores e clientes, além de assegurar a prestação dos serviços essenciais à sociedade.

 Para as localidades atendidas pela Energisa Rondônia, foram doadas 2 mil cestas básicas para o movimento SOS RO; doação de insumos e equipamentos de proteção individual para o Hospital de Base Dr. Ary Pinheiro em de Porto Velho; doação de 840 máscaras N95 para o Centro de Medicina Tropical de Rondônia (Cemetron); aquisição de 120 mil máscaras no estado com fornecedores locais. A Casa do Ancião São Vicente de Paula também recebeu materiais de higiene pessoal por meio da campanha de financiamento coletivo online, com um diferencial: a cada um real doado, a empresa acrescentou mais um. A concessionária também realizou atendimento prioritário para ligação de energia da UPA de Jaci-Paraná, hospital de campanha de Guajará- Mirim e Seringueiras. Além de fazer a manutenção preventiva das redes de energia de toda a rede de saúde básica do estado.

 

Comentários do Facebook - Comente
Continuar leitura

Publicidade

Mais destaques

Facebook