Conectado por

Plural Saúde

Política

“Tudo que me comprometi a fazer, estou cumprindo”, diz Jaqueline Cassol


Publicado por

em

Em entrevistas para a imprensa de Cacoal e região, a deputada federal fez um balanço do primeiro ano de mandato e destacou as principais ações.


Continua após a publicidade

A deputada federal Jaqueline Cassol (PP-RO)  fez um balanço do primeiro ano de mandato para a imprensa de Cacoal, nessa segunda-feira (23). Durante todo o dia, Jaqueline concedeu entrevistas às emissoras de rádio e televisão e para jornais impressos de circulação regional.

“Tudo que me comprometi a fazer durante o mandato, estou cumprindo. Nesse primeiro ano, conquistei R$ 59 milhões para Rondônia e do total 54% foram destinados a Cacoal”, destacou a parlamentar em entrevista para a rádio Samaúma.

Os recursos, segundo Jaqueline Cassol, são para melhorias na saúde, educação, infraestrutura e segurança. “R$ 22 milhões já estão empenhados e os demais serão já em fevereiro”, garantiu.

No montante está contemplada a liberação de R$ 14 milhões para a segurança pública, sendo R$ 10 milhões para a construção do Complexo da Polícia Civil, em Cacoal, R$ 3 milhões para aquisição de ambulâncias para o Corpo de Bombeiros de Vilhena, Cerejeiras,  Cacoal, Rolim de Moura, Pimenta Bueno e Espigão; além de aquisição de viaturas para a patrulha Maria da Penha e de pistolas elétricas para a Polícia Militar e mais R$ 1 milhão para a construção de novos quarteis da PM em Brasilândia e distrito de Nova Estrela.

Também, há a conquista de 42 ônibus escolares para os municípios de Cacoal, região do Café, Zona da Mata, BR-429 e Cone Sul.

“Os ônibus são uma demanda constante dos prefeitos e tenho certeza que irão contribuir com o desenvolvimento dos alunos”, disse na rádio Suprema Notícia.

Fundação Milton Campos, que promove palestras sobre prevenção e sintomas da depressão e ansiedade e suas consequências;  Projeto Visão que promove mutirões de  cirurgia de catarata para zerar a fila de espera no Estado e o projeto Mobilizar para a compra de órteses e próteses e realização de cirurgias ortopédicas.

Para a concretização dos dois últimos projetos foram liberados cerca de R$ 9 milhões, sendo R$ 6,1 milhões para o Projeto Visão e R$ 3 milhões para o Mobilizar.

“Faço um mantado pela coletividade, pensando no bem comum. Assumi um compromisso com a população de Rondônia e tenho trabalhado para honrar cada voto que recebi”, afirmou.

TRABALHO INTENSO- O ano de 2019 foi intenso e de muito trabalho, afirmou deputada em entrevista para no programa Rondônia Urgente na TV Band. “Conseguimos avançar em pautas importantes não só para Rondônia, mas para o país”, analisou.

Ela destacou a aprovação do projeto de lei 4067/2015 que estabelece a obrigatoriedade de realização da prova para revalidação de diplomas de medicina obtidos no exterior, o Revalida. “Foi uma grande conquista para a saúde dos brasileiros e para dar oportunidades aos médicos formados no exterior trabalharem aqui no Brasil”, disse.

Desde o início do mandato a deputada está engajada na pauta. Em outubro representou a Câmara dos Deputados em um debate promovido pela Universidade de Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia. O projeto foi aprovado na Câmara em novembro, por maioria simples, porém o presidente Jair Bolsonaro vetou três itens do texto.

“Assim que o Congresso voltar do recesso parlamentar vou retomar o assunto com os deputados”, garantiu.

 

 

ENERGIA e AVIAÇÃO- A redução nas tarifas da energia elétrica também foi tema em pauta. A deputada explicou que, durante todo o ano, propôs debater sobre o assunto para encontrar uma solução viável para o problema. Tanto que foi eleita presidente da Comissão Especial sobre  Portabilidade da Conta de Luz na Câmara. “A portabilidade é o caminho para a redução das tarifas”, afirmou.

Também defende a ampliação do acesso dos cidadãos à aviação civil, por isso propõe a redução nos preços das passagens e procura soluções para melhorar a infraestrutura dos terminais regionais.

ATUAÇÃO- Em um ano de mandato Jaqueline Cassol foi autora de 39 propostas legislativas, entre requerimentos ao Governo Federal e Congresso, projetos de lei, emendas e substitutivos. Participou de 273 votações nominais, esteve em 100 reuniões de comissões e em 145 sessões em plenário. É vice líder do bloco, PP, MDB, PTB, membro de oito comissões e de 66 Frentes Parlamentares. “Foi um ano de muito trabalho e 2020 promete ser ainda mais produtivo”, declarou a parlamentar.

Comentários do Facebook - Comente
Continuar leitura

Publicidade

Mais destaques

Facebook