Conectado por



Plural Saúde

Destaque

Médicos voluntários salvam a vida de dois pacientes após queda de árvore no distrito de Surpresa, RO

Publicado por

em

Na madrugada gelada no meio do Rio Mamoré, uma rara frente fria completa o cenário de filme de terror: sensação térmica próxima de 10 graus, escuridão total, sangue, correria e dois homens em estado grave – tudo isso muito longe de qualquer cidade ou hospital.

Uma árvore havia caído e atingido o primeiro paciente, que já tinha ficado desacordado e sangrava também pelo ouvido. O segundo estava em estado ainda pior, teve uma crise epiléptica com diversas convulsões seguidas durante todo o dia. Tudo aconteceu nessa sexta-feira, dia 5, e ambos estavam no distrito de Surpresa, sem atendimento médico especializado e nem mesmo transporte para o hospital mais próximo, em Guajará-Mirim. Para o desespero dos familiares das vítimas, parecia que não havia mais o que fazer.

Mas os Doutores Sem Fronteiras estavam na região e viajavam a caminho da aldeia Barranquilha no Barco Hospital Walter Bártolo. Ao saber da ocorrência, a equipe foi resgatar os dois pacientes e os levou para a embarcação, onde receberam atendimento de emergência. Com o quadro mais estável, ambos seguiram de lancha e acompanhados pelos doutores até Guajará-Mirim.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

No trajeto final até a cidade foram mais de duas horas de tensão. A médica Patrícia Alarcão e o dentista Felipe Machado foram os responsáveis por cuidar dos pacientes neste trecho. “Estava escuro, balançava, fazia frio e o paciente estava muito assustado e sem entender direito, chegou até a convulsionar no meio do rio”, conta a doutora Patrícia, que entregou os dois homens à salvo para a equipe de emergência dos bombeiros em Guajará-Mirim.

A ONG

A história dos Doutores Sem Fronteiras em Rondônia começa em 2004, quando o paulista Caio Machado, presidente da organização, veio atender pela primeira vez no Estado. Desde então já foram várias expedições e milhares de atendimentos gratuitos, principalmente em aldeias indígenas e comunidades ribeirinhas. Só nos primeiros sete dias desta viagem, foram mais de dois mil procedimentos realizados e cerca de 200 óculos doados pela equipe, que conta com profissionais de várias regiões do país e dois franceses.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

“Pode parecer mentira ou loucura, mas a gente não cobra nada dos pacientes e ninguém ganha nada para atender, pelo contrário, cada um paga a própria passagem pra vir à Rondônia e ainda deixa de trabalhar em São Paulo, ou seja, no final a gente está perdendo dinheiro e tempo com a nossa família, mas é o nosso dever ajudar”, explica Caio Machado. Além dos vários profissionais, os Doutores Sem Fronteiras trazem também materiais e equipamentos de primeiro mundo: “Tem indígena aqui que recebe exatamente o mesmo tratamento de cantor famoso ou jogador de futebol, coisa que lá na cidade custaria mais de 30 mil reais”, completa o presidente da organização.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------
DJ90.COM.BR WEBRÁDIO

Os atendimentos dos Doutores Sem Fronteiras em Rondônia acontecem em parceria com a ONG Kanindé, o DSEI Porto Velho, o Pólo Base GMI e o Barco Hospital Walter Bártolo.

Destaque

Ivete Sangalo doa mil camas para acolhimento a infectados por coronavírus

O espaço vai receber pessoas que moram em situação de vulnerabilidade e ficará no Rio Vermelho

Publicado por

em

Por

A cantora Ivete Sangalo fez um grande gesto de solidariedade em tempos de pandemia. De acordo com o governador Rui Costa, a estrela do Axé Music doou  mil camas, além de rouparias, para uma unidade de acolhimento à população pobre contaminada pelo novo coronavírus que será inaugurada em Salvador.

De acordo com o Bahia Notícias, o anúncio do governador foi feito durante o Papo Correria de hoje (27). Além de Ivete, a Magazine Luiza cedeu ao estado mil colchões e mil travesseiros.

O espaço vai receber pessoas que moram em situação de vulnerabilidade e ficará no Rio Vermelho, bairro da capital baiana. Rui Costa anunciou ainda a disponibilização de um hotel para profissionais de saúde “que no atendimento aos pacientes contraírem o vírus”.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

Continuar leitura

Destaque

Secretário de Saúde de Rondônia grava vídeo pedindo aos colegas de governo que façam ‘vaquinha’ para reformar o Pronto Socorro João Paulo II

Publicado por

em

Por

Porto Velho, RO — O secretário de Saúde do governo Coronel Marcos Rocha, o médico Fernando Rodrigues Máximo, gravou vídeo solicitando aos seus companheiros administrativos que façam uma “vaquinha” para angariar recursos a fim de criar condições para a reforma do Pronto Socorro João Paulo II.

Isto porque, de acordo com o titular da Secretaria de Estado de Saúde (Sesau/RO), o Executivo já está no teto de gastos, portanto, se o Poder tocasse a obra por conta própria poderia incorrer em violação à Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

De acordo com Máximo, isso ocorreu porque a Secretaria criou o SOS João Paulo II onde o objetivo principal seria desospitalizar pacientes da unidade para que haja melhor condições de atendimento aos internos emergenciais. O resultado é que os corredores foram desobstruidos e os problemas estruturais do nosocômio acabaram expostos.

Continuar leitura

Destaque

Receita deposita nesta segunda-feira a restituição do 7º lote do IRPF

Publicado por

em

Por

O crédito bancário do sétimo lote de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física (IRPF) 2019 está disponível nas contas dos contribuintes a partir de hoje (16). O lote contempla também restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018.

Ao todo 320.606 contribuintes têm direito ao crédito, totalizando R$ 700 milhões, dos quais R$ 172.952.366,78 são preferenciais: 3.308 idosos acima de 80 anos, 21.410 com idade entre 60 e 79 anos, 3.172 com alguma deficiência física ou mental ou doença grave e 9.789 cuja maior fonte de renda seja o magistério.

Para saber se teve a declaração liberada, basta acessar a página da Receita na internet, ou ligar para o Receitafone 146. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível buscar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nessa hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

A Receita disponibiliza ainda aplicativo para tablets e smartphones, o que facilita consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF. Com ele será possível consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições do IRPF e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá fazer requerimento por meio da internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF – Declaração do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física.

Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------
Continuar leitura

Publicidade

Apostas Esportivas Online Betway
Plural Saúde

Educa Mais Brasil

Mais destaques

Facebook

WhatsApp chat