o presidente José Pinheiro do SEEB-RO ao centro
PublicidadeDJ90

Na segunda rodada de negociação do Acordo Coletivo de Trabalho 2019/2021 com o Sindicato dos Bancários e Trabalhadores do Ramo Financeiro de Rondônia (SEEB-RO), realizada na tarde de ontem 2/7, terça-feira, na sede do Sindicato em Porto Velho, os representantes do sistema Sicoob voltaram a oferecer apenas a reposição da inflação do período (4,79%) como reajuste nos salários e tíquete alimentação dos seus funcionários.

Eles justificam a proposta rebaixada – muito aquém da reivindicação dos trabalhadores – com uma suposta onda de ‘revezes’ financeiros nas unidades que compõem o sistema Sicoob Central Norte em Rondônia.

Os dirigentes do SEEB-RO rejeitaram a proposta patronal ainda na mesa de negociação, pois entendem que o ramo de cooperativas de crédito não sofre os efeitos danosos da crise econômica e, ao contrário, tem obtido sucessivos avanços na sua ‘saúde financeira’, principalmente em Rondônia.

CRISE

“Sabemos que o país sofre com uma terrível crise econômica, com alto índice de desemprego e recessão, mas sabemos também que os sistemas de cooperativas de crédito, apesar da crise, estão muito bem financeiramente e podem atender às reivindicações de seus funcionários, que tem, entre os principais pontos, reajuste composto de inflação do período mais 5% de ganho real e os tíquetes de R$ 800 para R$ 1.000,00 por mês. Por isso contamos com o bom senso dos representantes patronais, para que eles cedam mais um pouco e garantam reajustes mais justos para os trabalhadores, que são responsáveis por assegurar a saúde financeira das cooperativas nesse cenário de crise nacional”, avalia José Pinheiro, presidente do Sindicato, que lembrou que algumas cooperativas de crédito já incluíram o índice de 4,79% de reajuste salarial em sua folha de pagamento, a título de adiantamento do ACT 2019/2021.

Após diversos debates e contra-argumentações a reunião foi encerrada com a promessa de que os patrões vão levar as reivindicações dos trabalhadores ao Conselho de Administração do Sistema para nova reavaliação. Uma nova rodada de negociação foi agendada para o dia 29 de julho.

REUNIÃO

Participaram da reunião, pelo SEEB-RO, o presidente José Pinheiro, a secretária geral Ivone Colombo, o diretor de Cooperativas Antônio Tavares e o advogado Felippe Pestana, como assessor jurídico do Sindicato.

Pelo sistema Sicoob estavam presentes o diretor executivo Francisco B. de Souza, o diretor administrativo financeiro Altair Schramm de Souza e o assessor jurídico Roberto Jarbas Moura de Souza, além de Silvia Tessaro e Marlon Vinícius Faccio como assessores jurídicos da Credisul (Vilhena).