Conectado por



Plural Saúde

Tecnologia

Consumidores devem ficar atentos as cobranças por excedentes emitidas pelas operadoras

Publicado por

em

Antes de contratar o plano, o consumidor deve avaliar as regras e vantagens oferecidas

A lista é extensa: adicional de internet, franquia, ligações adicionais para celular, interurbanos e demais serviços costumam ser embutidos na fatura pelas operadoras de telefonia móvel e em muitos casos pagos pelos consumidores a longo tempo sem mesmo perceber a cobrança por excedentes.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

Esta ação indevida das operadoras é motivo de muitas reclamações na Agência Nacional de Telecomunicações (ANATEL) e que respondem por 40 a 50% das queixas que chegam à agência.

De acordo com Kariny Matias, coordenadora do CDL Celular, plano de telefonia disponibilizado aos associados pela CDL de Ji-Paraná, essas cobranças são de todos os tipos: desde um serviço que foi contratado e não fornecido, a contas que chegam após o cancelamento, passando por valores tarifados em dobro. “As operadoras falham muito nas informações que prestam aos consumidores, não só na fatura, por isso é importante o cliente ficar atento ao que utiliza e ao que paga”, destacou Kariny.

Segundo Kariny, antes do cliente contratar um plano é preciso conhecer todas as regras e vantagens sobre o mesmo para não ter dor de cabeça como é o caso do plano ofertado pela CDL de Ji-Paraná via parceria com a Tempo Telecom que oferece dentre os benefícios facilidades na contestação da fatura. “Nós temos um setor específico para auditar as faturas e repassá-las aos usuários do plano sem cobranças indevidas. É importante lembrar também que não há burocracia para solicitar o serviço” frisou.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

Kariny acrescentou também que em média, cerca de 25% por cento no valor final das faturas são reduzidas e que antes de serem enviadas para as entidades, as faturas são todas auditadas, garantido assim segurança ao associado.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------
DJ90.COM.BR WEBRÁDIO

Continuar leitura

Tecnologia

TIM terá experimentação do 5G em lojas

Publicado por

em

Por

Unidade do Shopping Ibirapuera, em São Paulo, será a primeira a receber o espaço de degustação, em parceria com Ericsson e LG

 Depois de realizar experimentações em instituições e eventos acadêmicos, a TIM vai permitir que o grande público conheça algumas aplicações do 5G. A operadora terá em breve degustações da nova tecnologia em cerca de 10 lojas no Brasil, começando pela unidade do Shopping Ibirapuera, em São Paulo.

A demonstração utiliza a tecnologia 5G da Ericsson, em rede comercial em fase de testes, instalada mediante licença específica da Anatel. O espaço de degustação conta com as parcerias da LG, que irá disponibilizar um smartphone LG V50 para testar a velocidade da nova rede, e da Intel, com kit de realidade virtual. Um vídeo institucional apresenta os impactos da tecnologia de quinta geração em áreas como saúde, educação, entretenimento, entre outras.

“As nossas lojas são o principal ponto de contato com o consumidor e buscamos, cada vez mais, transformá-las em espaços que vão além da venda. A ideia é oferecer experiências relacionadas à inovação e pioneirismo da TIM e a demonstração do 5G vai ao encontro dessa estratégia. As pessoas poderão conhecer o potencial da nova tecnologia e entender como ela irá influenciar o seu cotidiano no futuro”, conta João Stricker, Diretor de Sales Consumer da TIM Brasil.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

A experimentação do 5G na loja do Shopping Ibirapuera acontece até dezembro. A operadora pretende levar o espaço de degustação para mais unidades, em diferentes estados do Brasil, até o fim do ano. A TIM vem liderando o desenvolvimento da nova tecnologia no país e já conta com dois Living Labs – em Florianópolis (SC) e Santa Rita do Sapucaí (MG) – para estudo e aprimoramento de soluções que serão potencializadas com a chegada do 5G. Ainda este mês, a companhia inaugura mais um projeto piloto, em Campina Grande (PB). Também foi anunciada a ativação da rede experimental para as startups do Cubo Itaú.

“O objetivo é potencializar o conhecimento da tecnologia para que a adoção ao 5G possa ser rápida e eficiente no país. Nos living labs, já estão sendo desenvolvidas soluções que podem impactar o cotidiano das pessoas e das empresas em áreas muito relevantes para o Brasil, como saúde, educação e segurança. As startups do Cubo Itaú também poderão, em breve, testar seus projetos 5G. A ideia é justamente preparar esse ecossistema de inovação para que possamos aproveitar o poder transformador da rede de quinta geração”, explica Leonardo CapdevilleCTIO da TIM Brasil.

 Sobre a TIM

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

A TIM segue com sua missão de conectar e cuidar de cada um e para que todos possam fazer mais. Para isso, atua focada nos pilares estratégicos de oferta, infraestrutura, eficiência e experiência do cliente, com base em uma cultura interna de accountability e na mudança de processos e plataformas que permitam a transformação digital. A assinatura da marca – “A inovação não para” – reforça o compromisso da companhia com seu Plano de Investimentos.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------
DJ90.COM.BR WEBRÁDIO

A empresa é, desde 2015, líder em cobertura 4G no País e referência como player de ultra banda larga móvel e fixa. É a única empresa do setor de telecomunicações a integrar o Novo Mercado da B3, reconhecido como nível máximo de governança corporativa, além de ser a operadora há mais tempo consecutivo no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE). Para mais informações, acesse www.tim.com.br.

Continuar leitura

Tecnologia

TIM vai ativar rede de experimentação 5G no Cubo Itaú até o fim do ano

Publicado por

em

Por

Novidade celebra os quatro anos de parceria entre a operadora e o espaço de empreendedorismo voltado para startups

São Paulo, 20 de setembro de 2019 – A TIM anunciou hoje, durante o Cubo Conecta 2019, que por meio de uma licença específica da Anatel a operadora instalará no local, até o fim do ano, uma antena com a rede de quinta geração em parceria com a Ericsson para que as empresas startups baseadas no Cubo Itaú possam testar e desenvolver aplicações potencializadas pela nova tecnologia. A ativação é mais uma celebração da parceria de quatro anos do Cubo com a operadora, que já havia instalado no espaço o NB-IoT, uma plataforma dedicada para o desenvolvimento de soluções de internet das coisas com baixo consumo de energia e grande alcance de cobertura.

A TIM quer estar inserida em ambientes de inovação, de pesquisa e de empreendedorismo, como o Cubo Itaú, viabilizando tecnologias que fomentem esse ecossistema favorável a criação de novos produtos e serviços que melhorem a vida dos cidadãos do nosso País. Estamos engajados na busca de novas aplicações que contemplem já a próxima onda tecnológica, o 5G, e a parceria com o Cubo Itaú é parte importante deste processo”, avalia o CTIO da TIM Brasil, Leonardo Capdeville.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

Para o Cubo Conecta 2019, evento de celebração do aniversário do espaço, a operadora apresentará experiências de alta performance na rede 4G em parceria com a Ericsson no lounge TIM – IoT, indústria 4.0, AR, baixa latência – que poderão ser potencializadas com o 5G, alavancando novos negócios e inspirando o desenvolvimento de soluções. Todas as experimentações estarão disponíveis para os visitantes do Cubo Itaú durante o evento.

Parceria com o Cubo

Nesse último ano de parceria, a TIM avaliou mais de 200 soluções, ultrapassou o lançamento de 30 desafios para startups do Cubo, organizou mais de 20 pitches de inovação e 10 provas de conceito com startups. Um dos exemplos é a MOL- Mediação Online, empresa especializada na resolução de conflitos, que ajuda com os desafios de redução de custos no contencioso, e outro é a OvermediaCast, com soluções de videobot, para aumentar a satisfação dos clientes com o atendimento. Algumas startups, inclusive, tornaram-se fornecedoras da TIM, como a Intelipost, com soluções que integram de forma inteligente a cadeia logística. Outras, como a Enjoy, que oferece automação de bebidas on tap. já são parceiras da companhia para testar novas soluções de conectividade em IoT.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

Além disso, nos últimos 12 meses, quase uma centena de colaboradores da TIM das áreas de compras, sustentabilidade, governança, financeiro, logística, RH, comercial, marketing, atendimento e tecnologia passaram por imersões no maior ecossistema de startups da América Latina para avaliar e explorar aspectos relacionados à transformação digital e seus desdobramentos no ambiente corporativo. “Muito mais do que dar apoio à iniciativa, temos o Cubo como um ambiente inspirador para nossas equipes internas, permitindo uma troca de conhecimento muito valiosa para nós como empresa”, complementa Capdeville.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------
DJ90.COM.BR WEBRÁDIO

O Cubo tem sido importante na construção da maneira de pensar na cultura digital da TIM, com a imersão dos executivos da operadora no espaço por meio de programas, como o Innovation Day“O nosso processo de Transformação Digital tem o Cubo como um hub de inovação que combina educação empreendedora, cultura digital, espaços colaborativos, novas experiências e uma densidade de negócio única na América Latina. Com a parceria, a TIM quer encontrar soluções para os seus desafios internos, para aceleração de negócio, para desenvolvimento de produtos e experiência e para testar novos mercados”, analisa o Head de Innovation & Business Development da TIM Brasil, Janilson Bezerra.

Sobre a TIM

A TIM segue com sua missão de conectar e cuidar de cada um e para que todos possam fazer mais. Para isso, atua focada nos pilares estratégicos de oferta, infraestrutura, eficiência e experiência do cliente, com base em uma cultura interna de accountability e na mudança de processos e plataformas que permitam a transformação digital. A assinatura da marca – “A evolução não para” – reforça o compromisso da companhia com seu Plano de Investimentos.

A empresa é, desde 2015, líder em cobertura 4G no País e referência como player de ultra banda larga móvel e fixa. É a única empresa do setor de telecomunicações a integrar o Novo Mercado da B3, reconhecido como nível máximo de governança corporativa, além de ser a operadora há mais tempo consecutivo no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE). Para mais informações, acesse www.tim.com.br.

 

Sobre o Cubo Itaú

Inaugurado em setembro de 2015 por Itaú Unibanco em parceria com a Redpoint eventures, o Cubo Itaú é o maior hub de fomento ao empreendedorismo tecnológico da América Latina, uma organização sem fins lucrativos que acelera a conexão e a criação de negócios entre grandes empresas e startups. O Cubo Itaú está localizado na região da Vila Olímpia, em São Paulo, e tem em toda a sua rede, física e digital, mais de 250 startups, contemplando empreendedores de todo o País. O espaço também oferece workshops, palestras e encontros relevantes para o crescimento do ecossistema de inovação. Mais informações podem ser encontradas em: https://cubo.network/.

Continuar leitura

Destaque

Novos iPhones 11: três modelos, mais câmeras e novo jeito de tirar foto

Publicado por

em

Por

As novas versões da linha de celulares da Apple foram anunciadas nesta terça-feira (10) deixando o número romano de lado (olá, iPhone X) e a sopa de letrinhas dos modelos de 2018. A empresa preferiu usar iPhone 11, iPhone 11 Pro e iPhone 11 Pro Max como nomes para seus três novos aparelhos.

Os preços para o Brasil ainda não foram divulgados, assim como a data de lançamento, mas, nos EUA, o modelo mais básico custará US$ 699, valor, um pouco abaixo da versão XR, que chegou ao mundo custando US$ 749 no ano passado. Veja também Novo iPad com telona de 10,2 polegadas custará US$ 329 Novo rival para Netflix: Apple TV+ chegará ao Brasil por R$ 9,90 Para os gamers: Apple Arcade fornecerá jogos por US$ 4,99 por mês A grande novidade dos aparelhos é que agora as versões “Pro” funcionam com uma câmera tripla.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

Pois é, a Apple se rendeu e adotou um recurso já bem utilizado pela concorrência, mas não parou aí —os aparelhos possuem um sistema diferente de registro de imagem. O iPhone 11 Pro custará US$ 999 e o iPhone 11 Pro Max tem preço de US$ 1.099. Os modelos começam a ser vendidos em 20 de setembro no mercado norte-americano e em mais de 30 países.

Design

O design mudou muito na parte de trás dos iPhones, o que confirma os rumores que circularam antes do anúncio oficial. A alteração foi feita para encaixar a terceira lente nos modelos “Pro” e acomodar um sensor na versão tradicional. Com isso, um quadrado no canto superior à esquerda passa a abrigar todas as câmeras e o flash. O iPhone 11 estará disponível em seis cores: roxo, verde, preto, branco, dourado e vermelho.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

Já os iPhones 11 Pro e Pro Max virão em quatro cores: verde, cinza, prata e dourado. Imagem: Reprodução Câmera O iPhone 11 permanece apenas com duas câmeras, mas, se levarmos em conta que ele é a nova versão do iPhone XR, que possuía apenas uma lente, trata-se de um upgrade interessante. A dupla de lente funciona com resolução de 12 Megapixels cada uma.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------
DJ90.COM.BR WEBRÁDIO

A lente “extra”, uma grande ocular, tem a função de ampliar o ângulo de visão. O conjunto de câmeras triplas dos modelos “Pro” é composto por uma lente principal de 12 MP, uma lente grande angular de 12 MP, e uma teleobjetiva de 12 MP, mesmas resoluções vista na família Galaxy S10 —com exceção da grande angular da versão S10+, que é de 16 MP. Os aparelhos ganharam ainda um modo noturno para melhorar fotos tiradas em ambientes com pouca luz, além de um flash melhor e maior qualidade de vídeo. A câmera frontal será capaz de filmar em 4K e produzir imagens em slow motion (a 120 quadros por segundo). A dupla de iPhones Pro foi equipada com um novo recurso, chamado de Deep Fusion. Antes de você sequer apertar o botão para tirar fotos, os aparelhos já registram nove imagens; quando você finalmente aperta o botão, eles captam uma imagem com longa exposição (não é tão longa assim, já que dura alguns segundos).

Depois, uma parte do chip A13 Bionic responsável pela engenharia neural (um ramo da inteligência artificial) analisa pixel a pixel em busca de qual é o melhor. O resultado é uma combinação dos melhores elementos pictóricos digitais. Tela Toda a família de novos iPhones manteve a média de tamanho de tela. Os aparelhos mantiveram o recorte no topo da tela para acomodar a câmera.

Confira os tamanhos: iPhone 11 – 6,1 polegadas iPhone 11 Pro – 5,8 polegadas iPhone 11 Pro Max – 6,5 polegadas Processador Os novos aparelhos vêm equipados com o processador A13 Bionic, que foi repaginado para acelerar processos que dependem de inteligência artificial como o Deep Fusion e para gastar menos energia. Isso não quer dizer que ele é menos potente, já que pode executar 1 trilhão de operações por segundo e possui 8,5 bilhões de transistores. O iPhone 11, modelo mais básico, pode ser o novo queridinho do mercado com suas cores vivas Imagem: Reprodução Bateria Os três aparelhos tiveram a bateria turbinada, que ainda contará com eficiência maior graças ao processador.

A promessa da Apple é de que a bateria durará bem mais em comparação com o iPhone XS: a autonomia do iPhone 11 será de uma hora superior; a do iPhone 11 Pro, de 4 h a mais, e a do iPhone 11 Pro Max, de 5h a mais. Quanto custam? Os novos aparelhos chegam ao mundo com preços de lançamento similares aos da família anterior. Com isso, o iPhone 11 Pro Max passa a ocupar o posto de smartphone com valor mais alto já cobrado pela Apple. iPhone 11 – US$ 699 iPhone 11 Pro – US$ 999 iPhone 11 Pro Max – US$ 1.099 Apple anuncia preços do iPhone 11, iPhone 11 Pro, iPhone 11 Pro Max, e os antigos iPhone 8 e iPhone XR Imagem: Bruna Souza Cruz/Tilt/UOL Dois modelos anteriores continuam sendo comercializados: o iPhone 8 ainda poderá ser encontrado por US$ 449, e o iPhone XR custará a partir de US$ 599.

Continuar leitura

Publicidade

Apostas Esportivas Online Betway
Plural Saúde

Educa Mais Brasil

Mais destaques

Facebook

WhatsApp chat