Conectado por

Rondônia, segunda, 11 de dezembro de 2023.

Geral

Curso de Condutor de Pesca Esportiva encerra com aulas práticas no rio Madeira


Compartilhe:

Publicado por

em

Capacitação deve qualificar turismo pesqueiro em Porto Velho


Continua após a publicidade
AUMENTE SUAS VENDAS - MELHORE A IMAGEM DO SEU NEGÓCIO OU EMPRESA

O Curso de Condutor de Pesca Esportiva, que acontece no distrito de Jaci-Paraná desde o último dia 6 de março, encerra nesta sexta-feira (17) com a ministração de aulas práticas no rio Madeira. A pesca esportiva é o principal atrativo turístico do município de Porto Velho e a procura pela atividade só cresceu nos últimos anos.

Ofertada pela Secretaria Municipal de Indústria, Comércio, Turismo e Trabalho (Semdestur) e em parceria com o Senac, a capacitação ocorreu com a base no Flutuante Karipuna. Lá, cerca de 22 condutores participaram do curso que foi dividido em três etapas.

Segundo Edimar, instrutor, a primeira etapa foi focada no atendimento ao visitanteSegundo Edimar, instrutor, a primeira etapa foi focada no atendimento ao visitante“O curso busca qualificar e profissionalizar o trabalho de condução de pesca esportiva, e ainda levar segurança ao turista, para assim fomentar o turismo e a economia de Porto Velho. O distrito de Jaci já conta com uma estrutura de hotéis, pousadas, restaurantes e flutuantes e a capacitação deve aprimorar a modalidade e deixar mais especial o circuito de pesca”, ressaltou a titular da Semdestur, Glayce Bezerra.

Conforme Edimar Oliveira, instrutor do curso e vice-presidente da Associação de Pesca Esportiva de Rondônia, a primeira etapa foi focada no atendimento ao visitante, desenvolvendo o relacionamento do condutor de pesca com o turista, preparando o aluno para as mais diversas situações com o visitante e valorizando, ainda, o conhecimento regional que o aluno já possui.

A segunda etapa foi a fase técnica, que explicou os tipos de peixe presentes na região, as maneiras corretas de manipulação, bem como também as formas de preparo gastronômico à beira do rio, a fim de oferecer ao visitante a experiência gastronômica tipicamente rondoniense.

Segunda etapa explicou os tipos de peixe, manipulação e preparoSegunda etapa explicou os tipos de peixe, manipulação e preparo“Na última etapa, realizamos aulas práticas no rio sobre técnicas de navegação, estudo de comportamento de peixes e movimento de água para que o condutor sirva como guia dos melhores lugares para a pesca de cada tipo de peixe. No decorrer dos últimos anos, o fluxo de turismo pesqueiro aumentou bastante na região e estamos nos preparando, pois a partir de maio iniciaremos a alta temporada de pesca”, explicou Edimar.

A entrega do curso à população é resultado do Plano de Qualificação para a Cadeia Produtiva do Turismo, desenvolvido pela Semdestur, por meio do Departamento de Fomento ao Turismo (Defotur), com apoio do Conselho Empresarial de Turismo de Rondônia (Conetur). Iris Fernandes, diretor da Fecomércio e vice-presidente do Conetur, citou a relevância da pesca esportiva na valorização da fauna, pois, não havendo peixes, não haverá a vinda dos turistas.

“Não adianta trazer turismo para Porto Velho e não oferecer pessoas que conheçam o rio e que estejam capacitadas para receber os visitantes. Além de qualificar a pesca esportiva na região, também temos o intuito de conscientizar os condutores para que eles sejam fiscalizadores contra a pesca predatória”, falou.

Texto: Beatriz Galvão
Foto: Wesley Pontes

Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

Publicidade

Natura
Brasil Digital

google

Últimas notícias

Classificados

Compartilhe: