Conectado por

Rondônia, segunda, 29 de novembro de 2021.



Exame

Cidade de SP decide no dia 10 de novembro se libera o uso da máscara


Compartilhe:

Publicado por

em


Continua após a publicidade
Colégio Sapiens

A prefeitura de São Paulo vai decidir no dia 10 de novembro se libera a obrigatoriedade do uso de máscara na cidade. Em entrevista à EXAME, o prefeito Ricardo Nunes (MBD) disse que aguarda um estudo realizado pela Secretaria Municipal de Saúde para tomar a decisão.

“Os técnicos me deram o prazo de 10 de novembro. Daqui até lá vamos monitorar. O estudo é feito com 15.622 pessoas, é um volume bastante grande para nos dar assertividade na decisão. Pode ser que no dia 10 eles falem que a máscara continua ou não. O que eles me trouxerem, eu vou decidir, independentemente de popularidade. Não vou tomar atitude para agradar, mas para preservar as pessoas”, afirmou Nunes.


Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

Há duas semanas, um primeiro estudo foi feito pelos técnicos da Saúde do município recomendou a manutenção do uso obrigatório. Na ocasião, Nunes disse que a expectativa era de que no meio de novembro a cidade atingisse 100% de pessoas totalmente imunizadas contra a covid-19.

No último boletim divulgado pela prefeitura, nesta sexta-feira, 29, a cidade tem 100% da população imunizada contra a covid-19 com pelo menos a primeira dose, e 93,6% totalmente vacinada, sendo duas doses ou dose única.

Desde a quinta-feira, 28, a cidade publicou um decreto em que revogou as recomendações de restrição de público, de distanciamento e de horário de abertura para estabelecimentos públicos e privados na capital paulista. Apesar disso, o comprovante de vacinação é exigido para entrar em espaços públicos, como a prefeitura, e em eventos acima de 500 pessoas.

A segunda maior cidade do país, o Rio de Janeiro, liberou o uso obrigatório de máscara desde a última quinta-feira, 28. A medida é válida apenas para áreas abertas.

Fonte: Revista Exame

Publicidade

educamaisbrasil educamaisbrasil

Últimas notícias

Facebook