Conectado por

Rondônia, sexta, 22 de outubro de 2021.



Exame

iClubs: startup que gerencia programas de fidelidade capta R$ 5 milhões


Compartilhe:

Publicado por

em


Continua após a publicidade
Colégio Sapiens

A iClubs, startup de gestão de programas de fidelidade corporativos, anuncia nesta quarta-feira, 6, um novo aporte de 5 milhões de reais. O investimento foi liderado pelo BoostLAB, hub de negócios voltado a empresas de tecnologia do banco BTG Pactual (do mesmo grupo que controla a EXAME). A empresa foi selecionada durante a sexta edição do programa de potencialização de startups do BoostLAB, que atualmente está em sua oitava edição.

Fundada em 2020, a iClubs foi uma entre as 8 escolhidas para o programa de aceleração que contou com 420 inscritos. O grande diferencial da empresa está no embasamento tecnológico para a criação de programas de fidelização do consumo. O potencial da startup é ainda mais evidente em um contexto em que empresas buscam novas formas de fidelizar a clientela, com programas e benefícios como cashback, cupons e descontos, que movimentaram 7 bilhões de reais em 2020, segundo levantamento da plataforma Cuponomia.


Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

A empresa foi criada como uma spin-off da Zappts, empresa de consultoria e desenvolvimento de tecnologias para grandes empresas fundada pelos sócios Pablo Augusto e Rodrigo Bornholdt, que já possuíam uma plataforma de fidelização e incentivos focada em pequenos e médios varejistas e ONGs. Logo depois do início das operações da iClubs, em 2020, um novo sócio, Livio França, também entrou no negócio.

A motivação para a criação da startup foi a percepção de que faltavam players brasileiros no mercado de benefícios corporativos, até então dominado por empresas estrangeiras. Além disso, os executivos também percebiam que havia muitas reclamações de grandes empresas sobre companhias que ofereciam tecnologia para a gestão desses benefícios.

Com isso, os executivos criaram uma plataforma com tecnologias mais avançadas e que permite a flexbilização da maneira como as grandes empresas cuidam de seus programas de fidelidade. “Costumamos chamar de ‘a nova geração’ de loyalty (termo em inglês para fidelidade), que são os programas personalizados em escala. Nosso slogan é “construindo a nova geração de fidelidade”, diz Pablo Augusto, CEO da iClubs.

Segundo Frederico Pompeu, sócio do BTG Pactual responsável pelo boostLAB, o investimento na empresa faz parte de uma estratégia de investimentos que pode chegar a 200 milhões de reais. “Acompanhamos de perto a evolução do modelo de negócios da empresa e percebemos o grande potencial do time e da solução. O investimento minoritário é o sétimo do nosso portfólio de Corporate Venture Capital, que possui hoje aproximadamente 50 milhões de reais e poderá totalizar 200 milhões para impulsionar o ecossistema de startups no Brasil”, diz.

O programa do BTG já potencializou 53 startups. Destas, 70% já fizeram negócios com o Grupo.

Próximos passos

Com o aporte, a empresa vai contratar desenvolvedores e apostar na evolução tecnológica da plataforma. “Receber este investimento permitirá aumentar o nosso time de tecnologia, disponibilizar a nossa plataforma para ajudar mais empresas, e acelerar ainda mais o nosso objetivo, que é fazer a disrupção do mercado de Loyalty através das novas tecnologias”, diz o CEO. A intenção com as atualizações é estarem prontos para aumentar a base de clientes já no ano que vem.

Saiba o que acontece nos bastidores das principais startups do país. Assine a EXAME.

 

De 1 a 5, qual sua experiência de leitura na exame?
Sendo 1 a nota mais baixa e 5 a nota mais alta.

Seu feedback é muito importante para construir uma EXAME cada vez melhor.

Fonte: Revista Exame

Publicidade

GOVERNO DE RONDÔNIA educamaisbrasil educamaisbrasil

Últimas notícias

Facebook