Conectado por

Rondônia, domingo, 26 de setembro de 2021.



Jurídicas

Estudantes conhecem sede do Tribunal de Justiça, em Porto Velho


Compartilhe:

Publicado por

em

Atividade faz parte de uma pesquisa acadêmica com alunos da Escola Juscelino Kubitschek

Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

crinaça fotop 7

Representantes das turmas do nono ano do Ensino Fundamental, da Escola Estadual Juscelino Kubitschek, participaram de uma atividade de pesquisa no Tribunal de Justiça de Rondônia e foram recebidos pelo juiz auxiliar da Presidência, Guilherme Ribeiro Baldan, que foi entrevistado pelos estudantes sobre tema proposto pelo professor Júnior Rangel: os poderes Judiciário, Executivo e Legislativo.


Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

Os alunos puderam questionar sobre atribuições, estrutura, funcionamento e importância do Poder Judiciário para a sociedade. O magistrado respondeu às perguntas preparadas pelos estudantes e a outras dúvidas que surgiram no decorrer da conversa, que ocorreu no anexo ao plenário do Tribunal Pleno, do edifício-sede do TJRO. Baldan deu orientações e explanações didáticas e em linguagem de fácil compreensão para os adolescentes e professores que os acompanhavam.

crianças fotos 4Os alunos também foram levados pelo magistrado até o plenário onde ocorria uma sessão de julgamento, da 2ª Câmara Especial do TJRO, e puderam acompanhar os debates no julgamento de um processo judicial. Eles conheceram as instalações do Tribunal Pleno, câmaras, secretarias, coordenadorias e departamentos, das áreas fim (judicial) e meio (administrativa) que funcionam no prédio, situado na Rua José Camacho, 585, no Bairro Olaria, na Capital. Os estudantes e professores conversaram com servidores e servidoras e receberam, como lembrança, mudas de plantas suculentas, em ouriços de castanhas reaproveitadas pelo Núcleo Socioambiental (Nages) do Tribunal de Justiça. Para o professor Júnior, a participação foi satisfatória e atendeu a contento às expectativas de alunos e professores.

 

Baldan classificou como positiva a oportunidade que aproxima ainda mais o Poder Judiciário das pessoas e, desta forma, proporciona conhecimento sobre o funcionamento da Justiça e acesso da sociedade aos serviços oferecidos à população. O juiz de direito colocou-se à disposição para realizar atividade semelhante com o conjunto dos alunos das turmas, o que não foi possível desta vez devido às restrições sanitárias em decorrência da pandemia.

 

Assessoria de Comunicação Institucional

Publicidade

GOVERNO DE RONDÔNIA educamaisbrasil educamaisbrasil

Últimas notícias

Facebook