RONDONIA RO
Conectado por

Rondônia, terça, 03 de agosto de 2021.



Exame

Cultura de doação e solidariedade se fortaleceu durante a pandemia


Compartilhe:

Publicado por

em


Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

Por Bússola

A filantropia e a solidariedade cresceram durante a pandemia. Essa foi a impressão compartilhada ontem, 21, na segunda live promovida pelo Inspire UP, movimento idealizado por Fernando Melzer, de 16 anos, para inspirar jovens em início de suas carreiras a se engajarem em temas de impacto e transformação social.


Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

Durante o evento, os participantes ressaltaram o crescimento da desigualdade, acentuada no período de pandemia. Em contrapartida, os debatedores concordaram que a sociedade civil aprendeu a se organizar melhor em momentos difíceis como este e que a cultura de doação e a filantropia estão mais fortes entre os brasileiros.

Segundo dados do Monitor das Doações COVID 19, criado pela Associação Brasileira de Captação de Recursos (ABCR), foram doados mais de R$ 7 bilhões, entre março de 2020 e maio deste ano por empresas, instituições e pessoas físicas para ajudar o País a enfrentar a crise econômica e social ainda mais evidenciada na pandemia.

Outro ponto trazido durante o evento realizado pelo Inspire Up foi a exigência da sociedade por práticas socioambientais que estimulam as empresas. As novas gerações mais conscientes empurram o empreendedor a construir negócios cada vez mais sustentáveis.

O evento online contou com a participação de Luciano Huck, empreendedor e personalidade da TV, Abel Fernando Barros Rodrigues, ativista antirracista e socioambiental e o empresário Guilherme Benchimol. O conteúdo da live está disponível no canal do Inspire UP, no Youtube.

Inspirando o futuro

O Inspire Up busca mobilizar jovens em prol da transformação social, incentivando a participação desde cedo em questões importantes que impactam na vida dos brasileiros.

O movimento tem apoiado diversos projetos, como o Mão na Massa, que ajuda pessoas deficientes em situação vulnerável e o Raiz Quadrada, que apoia alunos no ensino fundamental prejudicados pela pandemia. Outra parceria importante é com a ONG Gerando Falcões para ajudar na campanha “Corona no Paredão, Fome Não”, de combate à fome. A iniciativa irá promover uma gincana entre os estudantes para estimular doações, com rankings de desempenho no site da Gerando Falcões.

“Para mim é inconcebível o fato de que 19 milhões de pessoas passam fome no país. Precisamos mudar essa realidade”, diz Fernando Melzer. “Temos uma relação muito próxima com estudantes e diversas escolas em todo o Brasil, por meio dos nossos embaixadores. Então pensamos, vamos unir forças em prol dessa causa.”

Siga a Bússola nas redes: Instagram | LinkedInTwitter | Facebook | Youtube

Fonte: Revista Exame

Publicidade

Últimas notícias

Facebook