Conectado por

Rondônia, domingo, 28 de novembro de 2021.



Economia

Emater e Basa renovam parceria e traçam estratégias para atender projetos de desenvolvimento do setor produtivo


Compartilhe:

Publicado por

em


Continua após a publicidade
Colégio Sapiens

Proposta é que se promova um aumento dos recursos disponíveis para o crédito rural, com injeção de recursos para a Agricultura Familiar

A parceria entre o Governo de Rondônia, por meio da Entidade Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Rondônia (Emater) e o Banco da Amazônia (Basa) traça novos caminhos para levar à família rural a oportunidade de investir e ampliar seu empreendimento na propriedade. Em reunião realizada na última semana entre os representantes das duas instituições, a discussão reforçou a ação conjunta para alinhamento de ações para efetivação de aplicação de crédito rural visando o novo Plano Safra (2021/2022) e a implantação de estratégias de atendimento a projetos rurais, em especial os voltados para o desenvolvimento da cafeicultura no estado.


Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

O Novo Plano Safra 2021/2022, que será lançado nesta terça-feira (22), pelo Ministério da Agricultura, apresentará os recursos disponíveis para subvenção e as taxas que entrarão em vigor ao longo do próximo ano agrícola. A proposta é que se promova um aumento dos recursos disponíveis para o crédito rural, com injeção de recursos para a Agricultura Familiar, estímulo às instituições financeiras para o crédito aos produtores ruais e incentivo a novas fontes de financiamento para o setor rural.

Basa Digital promete revolucionar a aplicação de crédito do Pronaf) na região

Para o superintendente regional do Basa em Rondônia, Diego Brito Campos, essa parceria com a Emater é muito importante para o fortalecimento do setor agrícola e que novos projetos devem ser apresentados em conjunto com a Emater. “O Banco da Amazônia é parceiro da entidade e está buscando ampliar o acesso ao crédito pelos agricultores familiares pelo Basa Digital que promete revolucionar a aplicação de crédito do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura (Pronaf) na região”, afirmou.

Outro tema destacado durante a reunião foi a importância do Pronaf na linha de crédito rural verde, chamado de “Pronaf Verde”. São linhas de crédito destinadas a contemplar projetos cuja finalidade seja fomentar a sustentabilidade da região amazônica, a exemplo da pecuária verde, agricultura e agropecuária de baixo carbono e agroflorestais, favorecendo financiamentos sustentáveis em áreas rurais.

O diretor técnico e de planejamento da Emater, Anderson Khül, que participou da reunião junto com a supervisora da Emater, Vaneide Araújo de Souza, destacou a importância do fortalecimento dessa parceria com o Banco da Amazônia para os agricultores e para o Estado. “Estamos de volta e com grandes projetos para 2021, temos vários projetos ainda para este ano e contamos com o apoio do Banco da Amazônia”, finalizou.

Publicidade

educamaisbrasil educamaisbrasil

Últimas notícias

Facebook