Conectado por

Plural Saúde

G1

Vilhena, RO, passa por infestação de caramujos durante período chuvoso


Publicado por

em


A Secretaria Municipal de Saúde diz que milhares de animais se espalharam pela cidade. O mais encontrado é o Achatina fulica, conhecido como caramujo africano. O setor de endemias da Prefeitura de Vilhena (RO) recebe pelo menos 10 denúncias por semanas de locais com infestação de caramujos.
Na quinta-feira (18) a Secretaria Municipal de Saúde (Semus) e a Secretaria de Meio Ambiente (Semma) comunicaram suas preocupações com a segurança da população durante a captura dos animais. Segundo as pastas, os caramujos não devem ser jogados em rios ou lixos, para evitar a infestação desses lugares.
Também não é recomendado pisar nos caramujos ou usar venenos, pois a forma mais eficiente de eliminá-los é com sal ou cal em um ambiente controlado pelas equipes da prefeitura.
Para isso, as equipes disponibilizaram o telefone: 3321-4667 para a população acionar os responsáveis pela coleta.
Nos casos de terrenos baldios, eles entram em contato com a Secretaria Municipal de Planejamento (Semplan) para localizar o proprietário, quando não encontram a Prefeitura diz que faz a limpeza do terreno e cobra a multa diretamente no Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU).
Se algum morador, utilizando luvas ou uma pá, consiga capturar com segurança os caramujos da sua propriedade, a recomendação é levar os animais até o posto de saúde mais próximo para que a prefeitura realize a incineração.
Caramujo-africano encontrado em Rondônia
Nilton Neves/Governo de Rondônia
De acordo com a Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), durante esse período do ano com as chuvas intensas, é normal encontrar em quintais, hortas e jardins, algumas espécies de caramujos. O alerta acende pois eles são hospedeiros de várias doenças, como a meningite.
Os caramujos também trazem prejuízos à agricultura, já que a contaminação nos seres humanos pode acontecer pela ingestão de hortaliças e frutas contaminadas pela larva do bicho. Por isso, a higiene dos ambientes é essencial.
Entre as dicas estão: eliminar lixos, pneus, latas, entulhos, tijolos e madeiras dos quintais e hortas.
VÍDEOS: últimas notícias de Rondônia

Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

Fonte: G1 Rondônia

Comentários do Facebook - Comente

Publicidade

Mais destaques

Facebook