Conectado por

Plural Saúde

G1

Idosos com mais de 80 anos começam a ser vacinados contra a Covid-19 em Pimenta Bueno, RO


Publicado por

em


Cerca de 120 doses do imunizante foram disponibilizados para os idosos da cidade. A vacinação dos idosos acima de 80 anos começou em Pimenta Bueno (RO). Cerca de 120 doses do imunizante foram disponibilizados para os idosos da cidade. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), esse número de vacinas não é o suficiente, mas as pessoas com idade avançada estão sendo priorizadas.
Para que os idosos acima de 80 anos sejam vacinados, é preciso preencher um cadastro e até o momento, 567 idosos já estão inscritos.
Elescio Paulo, de 100 anos, foi imunizado contra a Covid-19 em Pimenta Bueno (RO)
Prefeitura de Pimenta Bueno
Agendamento
Para vacinar os idosos, a Semusa está entrando em contato com os cadastrados e pedindo para irem até a Unidade Básica de Saúde (UBS) de referência. Os pacientes que não conseguirem se deslocar até o local, a Semusa garante que uma equipe de saúde irá até a casa da pessoa.
O cadastro poderá ser realizado pelo link (clique aqui) ou pelo telefone da Unidade Básica de Saúde de referência do paciente.
Pimenta Bueno, RO, abre cadastro para vacinação contra a Covid-19 em idosos a partir de 80 anos
No documento que deve ser preenchido, o paciente deverá colocar: nome, idade, número do cartão SUS ou CPF, além da UBS de referência do idoso e se ele é acamado.
Doses insuficientes
Como as doses disponíveis não são suficientes, alguns dos inscritos terão que aguardar o Ministério da Saúde enviar novas remessas da vacina. De acordo com a coordenadora do comitê de enfrentamento ao Covid-19, Gracielen Cristina Alves, quase todos servidores de saúde da rede pública e privada, envolvidos no atendimento de pacientes com Covid, já foram vacinados.
A Semusa informou que o município recebeu 622 doses da vacina Coronavac, para vacinar 311 pessoas e 170 doses da vacina Astrazeneca, o que corresponde a 481 pessoas vacinadas.
Veja mais vídeos do G1 Rondônia

Continua após a publicidade
Educa Mais Brasil

Fonte: G1 Rondônia

Comentários do Facebook - Comente

Publicidade

Mais destaques

Facebook