Giardinni SBS
Conectado por

Plural Saúde

G1

Agência do INSS retoma atendimentos presenciais em Ariquemes, RO


Publicado por

em


Atendimentos serão realizados após agendamento prévio de forma virtual. Reabertura aconteceu nesta terça-feira (10). Agência do INSS em Ariquemes, RO
Rede Amazônica/Reprodução
Os segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em Ariquemes (RO), no Vale do Jamari, já podem agendar o atendimento presencial pela internet. Por meio de ofício divulgado nesta terça-feira (10), a gerência do instituto na cidade informou que a agência foi reaberta, mas com algumas restrições em razão da pandemia do novo coronavírus.
O agendamento segue de forma virtual e o segurado terá que se adequar a algumas normas de segurança para evitar contaminações. O horário para ser atendido deve ser indicado através do site do INSS (acesse aqui), pelo telefone 135 ou no aplicativo “Meu INSS”.
Aos que precisam de atendimento especial e necessitam do auxílio do servidor do INSS, poderá usar o assistente virtual “Helô”, um chat que está presente no lado esquerdo na parte inferior no endereço eletrônico da instituição. Depois, basta digitar nome e o CPF e, assim, será iniciado o atendimento.
O G1 entrou em contato com a comunicação do INSS sobre o cronograma de retorno do atendimento presencial nas demais agências do estado, mas não houve resposta até a última atualização desta reportagem.
Atendimento
Ao realizar o agendamento, o segurado será orientado em relação à agência onde será atendido. Quem for às agências deverá usar máscaras e será terá sua temperatura medida antes de entrar no local.
Se a temperatura estiver dentro da normalidade (menor que 37,5°C), o funcionário deverá orientar o segurado sobre:
a necessidade do uso de álcool em gel para higienização das mãos;
importância de manter o distanciamento mínimo de 1 metro entre as pessoas; e
a obrigatoriedade o uso de máscara durante todo o período em que permanecer nas dependências do INSS. Se o segurado estiver usando máscara úmida, suja ou rasgada, deverá receber uma máscara descartável.
Os servidores, empregados públicos, contratados temporários, estagiários, terceirizados e colaboradores deverão usar Equipamentos de Proteção Individual para realização das suas atividades.
Se a temperatura se mantiver indicativa de febre (mais que 37,5°C), o acesso do segurado será negado e ele será orientado a procurar uma unidade de saúde ou um médico. O funcionário deverá ainda orientar o cidadão a realizar o reagendamento do serviço pelos canais remotos.
Veja mais notícias do G1

Continua após a publicidade

Fonte: G1 Rondônia

Comentários do Facebook - Comente
Continuar leitura

Publicidade

Mais destaques

Facebook