educamais
Conectado por

Plural Saúde

G1

Onças-pintadas são flagradas por pescadores em Alta Floresta, RO; veja vídeo


Publicado por

em

Duas onças estavam em uma das margens do rio Guaporé, quando foram vistas. Flagrante aconteceu no último domingo (2). Onça é flagrada em Alta Floresta
Dois produtores rurais de Ariquemes (RO) e de Alto Paraíso (RO) estavam pescando no rio Guaporé quando se depararam com duas onças-pintadas em uma das margens (veja no vídeo acima). O flagrante aconteceu no último domingo (3) em Porto Rolim, localidade de Alta Floresta D’Oeste (RO).
Segundo o biólogo Flávio Terassini, apesar do privilégio de poder ver os felinos em seu habitat natural, a aproximação de onças, mesmo que por rio, pode ser perigosa pois os animais também podem caçar na água.
“Pode ser época de acasalamento, podem ser dois filhotes, como a imagem está distante a gente não consegue precisar. Mas é um achado muito curioso, muito interessante e também perigoso porque as onças conseguem nadar. Se elas estivessem com fome, há alguns dias sem se alimentar, uma poderia entrar na água e nadar até a embarcação”, explica.
O biólogo também diz que a presença dos animais na região pode ser um bom indicativo que a área está preservada.
“Tem que tomar muito cuidado ao se aproximar de onças, principalmente no barranco dos rios, mas é um achado muito bonito e mostra que aquela área está bem preservada”, finaliza.
Onças e o rio Guaporé
Em 2019, outras onças-pintadas foram flagradas na região do rio Guaporé. Em um dos casos, turistas que atravessavam o rio, entre Brasil e Bolívia, filmaram o animal enfrentando a correnteza para cruzar a fronteira.
Onça-pintada é filmada atravessando fronteira entre Brasil e Bolívia
Já em Costa Marques, também próximo da fronteira do país, duas onças foram filmadas perto da margem do rio Guaporé. As tartarugas que desovam nos bancos de areia das praias estariam sendo atacadas e mortas pelos felinos. O caso aconteceu em outubro de 2019.
Onças atacam e matam tartarugas que desovam em praias de Costa Marques

Continua após a publicidade

Fonte: G1 Rondônia

Comentários do Facebook - Comente
Continuar leitura

Publicidade

Mais destaques

Facebook