educamais
Conectado por

Plural Saúde

G1

Exames do novo coronavírus voltam a ser realizados em RO


Publicado por

em


Secretaria de Saúde havia informado que o estado estava desde sexta-feira sem realizar testes por falta de kits. Estado não informou a quantidade de kits entregues. Imagem ilustrativa de testes para o novo coronavírus
Robson Valverde/Ilustrativa
Os exames do novo coronavírus voltaram a ser realizados em Rondônia na tarde deste domingo (29), segundo a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau). Os testes tinham parado de ser feitos há dois dias por falta de kits.
No último sábado (28) o secretário de Saúde, Fernando Máximo, divulgou um vídeo no Facebook falando sobre a falta de kits, que segundo ele deveriam ter sido entregues no dia 24 de março.
O coordenador do Centro de Informações Estratégicas da Vigilância em Saúde de Rondônia (Cievs), Sid Orleans, confirmou o problema da falta de kits e alegou que era oriundo da instabilidade do fluxo aéreo.
Initial plugin text
Neste domingo, Fernando Máximo voltou a falar nas redes sociais sobre a situação e informou que os exames estão sendo realizados novamente pois os kits foram entregues.
“Governador Marcos Rocha ligou para Brasília para interceder por nós e deram a notícia para ele de que enviariam ainda na madrugada. Ficamos esperando pela manhã porque como está com dificuldades de voos e logística, precisava confirmar. Agora, às 14h30 a equipe do Lacen está realizando o primeiro teste hoje com os novos kits que acabaram de chegar”, disse o secretário.
A Sesau não informou quantos kits foram entregues e a quantidade de exames que podem ser realizados.
Casos de coronavírus
Até a última atualização da Sesau, divulgada no sábado (28) foram identificados em Rondônia seis casos positivos de Covi-19, sendo cinco em Porto Velho e um em Ji-Paraná. Um dia antes havia sido informado que mais de 740 casos suspeitos já foram notificados no estado.
Em todo o país mais de 4 mil pessoas estão infectadas e até este domingo já são contabilizados 124 mortos.
Initial plugin text

Continua após a publicidade

Fonte: G1 Rondônia

Comentários do Facebook - Comente
Continuar leitura

Publicidade

Mais destaques

Facebook