PublicidadeDJ90

Segundo ele, até hoje os R$ 30 milhões destinados ao município de Porto Velho não foram depositados

Durante sessão ordinária na Assembleia Legislativa, na tarde desta terça-feira (30), o deputado estadual Marcelo Cruz (PTB) usou a tribuna para destacar notícia publicada pelo Departamento de Comunicação da Casa de Leis sobre o projeto de expansão da Usina Hidrelétrica Santo Antônio.

Segundo ele, a matéria foi bem explicativa ao destacar que “os parlamentares estão reavaliando a concessão do aumento da cota, pois até hoje os R$ 30 milhões destinados ao município de Porto Velho não foram depositados e nem o plano de trabalho apresentado pela prefeitura foi aprovado por Santo Antônio”, relatou.

Marcelo disse que apresentou nesta terça-feira (30), Projeto de Lei Complementar (PLC) pedindo a revogação da LC  974 de abril de 2018, devido ao não cumprimento de acordos, por parte dos representantes legais, da Usina Santo Antônio, durante votação na Assembleia Legislativa.

Marcelo Cruz conta que solicitou uma visita in loco a Usina, mas não houve agendamento para que o parlamentar estivesse na unidade. “ Vemos um total desrespeito que acontece no estado de Rondônia e também com as autoridades. Eles vêm aqui explorar o que temos de mais valioso e nós ficamos com o prejuízo, e nossa sociedade cobra uma resposta, especialmente, aos atingidos com as barragens, aos ribeirinhos e toda população”, pontuou.

O parlamentar pediu ao presidente da Assembleia Legislativa, Laerte Gomes (PSDB) um estudo e uma discussão aprofundada sobre a matéria, “pois fica claro que a Usina Santo Antônio não tem feito investimentos em Rondônia. A empresa está gerando emprego e riquezas em outros lugares e deixou as mazelas para as autoridades de Rondônia”, finalizou.