PublicidadeBolsas de Estudos com até 70% de desconto

Por: Samuel Castiel Jr.

A primeira entidade médica associativa em Rondônia data de 1949, fundada com o nome de Associação Médico-Cirurgica do Guaporé, cujos fundadores foram médicos pioneiros como o Dr. Rubens Brito, Dr. Osvaldo Piana, Dr. Maurício Bustani, Dr. Renato Medeiros, Dr. Araújo Lima, Dr. Ary Pinheiro e outros, conforme Ata de Fundação transcrita a seguir:

ATA DE FUNDAÇÃO DA PRIMEIRA ASSOCIAÇÃO     MÉDICO-CIRÚRGICA     DO GUAPORÉ

“Aos doze dias do mês de fevereiro de 1.949, às 20 horas, no salão do Clube Internacional de Porto Velho, reunidos os médicos, dentistas, veterinários e farmacêuticos que esta assinaram como sócios fundadores e com as presenças dos Exmos. Drs. Joaquim de Arújo Lima e Moacyr de Miranda, governador e secretário geral do Território Federal do Guaporé, respectivamente e mais senhoras e senhorinhas, fundou-se solenemente a Associação Médico-Cirúrgica do Guaporé, procedendo-se a eleição de uma diretoria provisória que ficou assim constituída:

Presidente:……………….Dr. Ernesto Laudelino de Almeida

Vice-Presidente:………..Dr. Rubens Brito

1º Secretário:……………Dr. Oswaldo Piana

2º Secretário:……………Dr. Waldemar Wanderley Braga

1º Tesoureiro:…………..Dr. Antonio de Jesus Cantanhede

2º Tesoureiro:…………. Dr. Jocelino Leocádio da Rosa

Orador…………………….Dr. Ary Pinheiro

Conselho Fiscal – Drs. João Fernandes de Souza, Maurício Bustani, Inácio Moura Filho, Renato Medeiros.

Usaram da palavra os senhores: Drs. Ernesto de Almeida, que salientou o papel desempenhado pelos médicos, dentistas, veterinários e farmacêuticos em Saúde Pública e da razão da fundação da associação, pedindo rito aos colegas que tomassem interesse para que a sociedade pudesse continuar sua existência para maior grandeza da Mesma. Dr. Ary Pinheiro usando da palavra, disse não esperar que fosse eleito Orador, mas que agradecia a todos os colegas a bondade de tê-lo elegido para tão honroso cargo. Em seguida o Dr. Araújo Lima, num feliz improviso teve palavras elogiosas aos profissionais que congregados fundaram a Sociedade Médico-Cirurgica do Guaporé e lembrando que o inicio de sua carreira como engenheiro, foi servindo na Bahia com o Dr. Saturnino Brito, na engenharia sanitária; desejando um êxito feliz da sociedade e que todos congregrados deveriam trabalhar para o engrandecimento do Território. Suas últimas palavras foram abafadas por uma salva de palmas. A sessão foi encerrada.”

Assinados: Joaquim de Araújo Lima, Moacyr de Miranda, Albertino Lopes, Renato Medeiros, João Fernandes de Souza, Ednice Maria Ferreira, Maurício Bustani, Adalberto Bastos Meneses, Inácio Moura Filho, Jocelino Leocadio da Rosa, Lourenço da Veiga Lima, Reinaldo Amâncio Braga, Antônio de Jesus Cantanhede, Luis B. Cantanhede, Valdemar Vanderley Braga Florinda Leal Farias, Francisco F. de Oliveira, José Otino de Freitas, Ernesto Laudelino de Almeida, Raimundo B. Cantanhede, Estanislau Zack, Ary Pinheiro e Oswaldo Piana.

Do livro Achegas para História de Porto Velho, de Antônio Cantanhede.

Nota do Autor:

Dos ilustres signatários desta Ata, um deles é o pai do 5º Governador do Estado de Rondônia Dr. Oswaldo Piana Filho e outro deu nome ao Hospital de Base, Dr. Ary Pinheiro.

A atual Associação Médica de Rondônia (AMR) foi fundada em 1976, cujo seu primeiro Presidente foi o ilustre Dr. Joviniano Alves de Macedo, Já no então Território Federal de Rondônia e, congregando, desta vez, apenas médicos.

A atual Associação Médica de Rondônia ( AMR ) foi fundada em 1976, tendo como seu primeiro Presidente o saudoso Dr. Joviniano Alves de Macedo, seguindo de outros médicos que foram se sucedendo na Presidência e diretorias, conforme galeria de fotos dos Presidentes, com seus respectivos mandatos, a seguir:

ASSOCIAÇÃO MÉDICA DE RONDÔNIA

GALERIA DE PRESIDENTES

A Associação Médica de Rondônia (AMR) teve sempre um papel relevante no seio da classe médica e da comunidade em geral, promovendo o congraçamento dos médicos entre si, promovendo também a educação médica continuada através de cursos, congressos e jornadas médicas, cursos de pos-graduação, fomentando a fundação das associações de especialidades médicas, bem como lutando por melhores condições salariais e de trabalho, pois ainda não havia sido criado o Sindicato Médico. Grandiosas lutas e conquistas da AMR foram marcas indeléveis na história do movimento médico em Rondônia. Para citar apenas um desses movimentos reivindicatórios que, infelizmente, chegou a gerar um movimento paradista, ocorreu no ano de 1983. Presidia a entidade o médico Dr. Samuel Castiel Jr. O Estado de Rondônia acabara de ser criado em 22.12.81 e Governava o Estado o saudoso Governador Jorge Teixeira, o Teixeirão. A AMR teve que ir as ultimas conseqüências, ou seja, fazendo uma greve no serviço médico que estendeu-se de Vilhena a Porto Velho, com um desfecho positivo na maioria dos diversos ítens reivindicados para os profissionais médicos do Estado. Abaixo alguns cartazes da época de lutas do movimento médico encampadas pela AMR, bem como folders de cursos promovidos pela entidade:

Enfim, a Associação Médica de Rondônia – AMR, nos seus quarenta e dois (42) anos de existência, sempre foi uma referência, atuando de forma a polarizar e fomentar os interesses médico-científico no Estado.

LEIA MAIS :
https://samuelcastiel.blogspot.com/2018/11/historia-das-entidades-medicas-em.html