O atendimento a várias cirurgias realizadas nos últimos meses fez com que ocorresse uma redução no estoque de bolsas de sangue na Fundação de Hematologia e Hemoterapia de Rondônia (Fhemeron) em Porto Velho. A situação preocupa e para não chegar ao nível crítico a Fundação convoca pessoas para doação com urgência, principalmente sangue tipo A e O positivo e O negativo. Equipes de assistentes sociais têm acionado os doadores cadastrados visando evitar que a situação se agrave.

Segundo informações da equipe técnica, em média, 60 bolsas de sangue são solicitadas por dia somente em Porto Velho e o estoque baixo de sangue pode comprometer a demanda.

Segundo o presidente da Fhemeron, João Ricardo, todas as medidas estão sendo tomadas para que o problema não se agrave e tudo se respalda na preocupação em garantir um estoque em condições de atender a demanda. “As doações estão abaixo do ideal e para mudar este cenário é de extrema importância que a população compareça para doar e poder salvar vidas”, frisou.

Até o fim da manhã de segunda-feira, 7, o estoque – que é separado por grupo sanguíneo – estava em nível preocupante nos tipos A (+ e -), B (-) e O (-). O estoque de sangue do tipo A positivo, por exemplo, registrava apenas 40 bolsas, ou seja, um déficit de 60% do ideal para atender à demanda.

A Fundação de Hematologia e Hemoterapia do Estado de Rondônia – Porto Velho está localizada à rua Benedito de Souza Brito, s/nº, Setor Industrial, ao lado do Hospital de Base. Telefones 0800-642-5744; (69) 3216-2234

O que é preciso para doar:

Está em boas condições de saúde; levar documento oficial de identidade com foto; ter idade entre 16 e 69 anos; menores de 18 anos precisam de autorização e acompanhados dos pais ou responsáveis legais; pesar 50 quilos ou mais; não estar em jejum, mas com alimentação não gordurosa; ter dormido pelo menos 6 horas antes da doação; não ter ingerido bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores à doação.