Conectado por



Plural Saúde

Tecnologia

TIM promove workshop com órgãos de defesa do consumidor

Publicado por

em

 

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

A operadora apresentou um balanço de melhorias realizadas em 2017 para Procons, defensorias públicas, OAB, entre outras entidades

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------

A TIM acabou de realizar um workshop na sua sede em Brasília, com objetivo de apresentar ações que foram desenvolvidas pelo Conselho de Usuários em 2017. A operadora convidou representantes de Procons, defensorias públicas, Anatel, OAB, entre outras entidades, e apresentou as iniciativas relacionadas à acessibilidade e à criação de canais alternativos de relacionamento com o cliente.

O secretário Nacional do Conselho de Usuários da TIM, Ricardo Alves, apresentou iniciativas como a divulgação, no site e nas lojas da TIM, do portal Consumidor.gov, ferramenta desenvolvida pela Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), do Ministério da Justiça, que auxilia as relações de conflito entre consumidor e empresa. O secretário mostrou as ações de capacitação de servidores do Procon para aprimorar o atendimento ao consumidor, entre outras ações. Iniciativas de acessibilidade, como a disponibilização do Código de Defesa de Consumidor e da cartilha da Anatel em Braille, o Código de Defesa do Consumidor  (CDC) em Libras, além de aplicativos de acessibilidade como o Projeto Giulia e Emoti Sounds, também foram apresentados. A ferramenta Giulia traduz os movimentos da Língua Brasileira de Sinais para mensagens em áudio. Já o EmotiSounds permite que deficientes visuais tenham uma experiência emotiva na leitura dos emojis.

------- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -------
DJ90.COM.BR WEBRÁDIO

Para Marcelo Salomão, diretor da Associação Procons Brasil na região Centro-Oeste e superintendente do Procon/MS, o encontro foi muito produtivo, com a apresentação de projetos inovadores na melhoria da relação de consumo. Dessa forma, os Procons se sentiram prestigiados pela companhia, já que a empresa trouxe ações de melhorias para os consumidores e para os órgãos de defesa do consumidor.

 

Para William Ferreira da Cunha, representante da Associação Brasiliense de Deficientes Visuais, as ações de acessibilidade criadas – como o aplicativo Giulia – são interessantes porque tiveram a participação dos usuários indo ao encontro do lema Nada sobre Nós sem Nós.

No evento, estiveram presentes representantes de todas as regiões do país, como Procon-RJ, OAB-MT, Procon-MS, Procon-Santos, Procon – Juiz de Fora (MG), Procon Vinhedo (SP), Anatel, conselheiros do CDUST da Anatel, OAB-DF, Defensoria Pública -MT, Defensoria Pública – GO, Defensoria Pública-MS, OAB-GO,  OAB-MT, Procon-PB, Procon-PE, Procon-TO, Procon–Santa Maria – RS, Procon-PA, Procon-SC, Procon-POA,  entre outros.

As reuniões do Conselho de Usuário da TIM nasceram da Resolução 623/2013 da Anatel, que institui que todas as operadoras de telefonia devem manter conselhos compostos por usuários. “Eles abrem a possibilidade de aproximação da TIM com a sociedade civil, empoderando o consumidor para aprimorar suas relações de consumo. Cria um ambiente de discussão em prol das melhores práticas de relacionamento”, conclui Ricardo Alves.

Publicidade

Apostas Esportivas Online Betway
Plural Saúde

Educa Mais Brasil

Mais destaques

Facebook

WhatsApp chat