Termina nesta quarta-feira o prazo da declarar vacinação contra febre aftosa

Termina nesta quarta-feira o prazo da declarar vacinação contra febre aftosa

Dados da Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado de Rondônia (Idaron) desta terça-feira (21) revelam que mais de 5 milhões de animais já foram vacinados e 13 milhões do rebanho do estado já foram declarados o que significa 94% de cabeças. “Lembramos aos produtores rurais que o prazo de declaração da vacinação termina amanhã (22) e nesta etapa estão sendo vacinados animais com até 24 meses, ou seja, dois anos de idade”, explicou o médico Veterinário, Dalmo Bastos Sant’Anna.

Ele destacou que mais de 88 mil produtores já foram atendidos nos escritórios da Idaron e que a expectativa é que a campanha chegue a 14 milhões de cabeças. Os pecuaristas que não possuem animais em idade de vacinação também devem fazer a declaração de animais existentes na propriedade.

Para fazer a declaração, o produtor deve ir à Idaron com a nota fiscal de compra da vacina e a relação do rebanho por sexo e faixa etária.

O produtor que não declarar a vacinação poderá ser multado em R$ 163,02 por propriedade e caso seja constatado que ele não vacinou os animais, ele poderá ser multado com o mesmo valor de R$ 163,02 por animal não vacinado.

A Idaron já promoveu 43ª campanha de vacinação contra Febre Aftosa no estado e mesmo assim, todos os anos, realiza uma grande divulgação e mobilização dos escritórios destacando a importância da vacinação dos animais.

Rondônia deve parar de vacinar

Os pecuaristas de Rondônia ainda terão que vacinar o seu rebanho até abril de 2019. Depois dessa data os animais poderão não mais ser vacinados de acordo com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) e no ano de 2021, Rondônia terá sua Declaração de Área Livre de Febre Aftosa sem Vacinação.

Fonte: Rondoniagora.com

%d blogueiros gostam disto:

Add URL